Missão China leva empresas de TI do Paraná a negócios no gigante asiático

Visita a empresas e instituições de quatro polos de inovação chineses está sendo organizada pela Assespro-PR, em parceria com o Sebrae e a StartSe, e vai ocorrer em outubro.

A regional paranaense da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro-Paraná) está organizando uma missão para a prospecção e realização de acordos comerciais e parcerias na China. A ação é promovida em parceria com a startup escola de negócios StartSe e com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Sebrae-PR).

A viagem está marcada para outubro: saída no dia 14 e volta no dia 27 do mesmo mês. A Executive Mission China 2021 prevê visitas a empresas e instituições dos quatro principais polos de tecnologia no gigante asiático: Beijing, Shanghai, Hangzhou e Shenzhen.

A iniciativa, voltada a associados, faz parte do trabalho de internacionalização da Assespro-PR e, por consequência, das empresas de inovação no estado, sublinha o presidente da entidade, Lucas Ribeiro. 

Missão China

“A Missão China será composta por pelo menos dez empresários. Será uma oportunidade não só de prospecção, como de realização de negócios. Os empresários poderão apresentar e conhecer soluções. Acordos de transferência de tecnologia também estão entre as possibilidades”, afirma Lucas Ribeiro.

APOIO DO SEBRAE

O consultor do Sebrae-PR, Vinicius Gallindo de Melo, explica que o apoio da instituição ao programa faz parte de um conjunto de ações desenvolvidas e reforçadas neste período em que os empreendedores precisam enfrentar e se reerguer da crise gerada pela pandemia de Covid-19.Especificamente para o setor de inovação, o Sebrae-PR lançou em janeiro último um diagnóstico completo sobre a situação no estado. Carências e potencialidades fazem parte do levantamento, que tem servido para a entidade “traçar estratégias para potencializar os negócios das empresas de TI [tecnologia da informação]”, como o apoio à Missão China.

EXPERTISE DA STARTSE

Divulgação Cidades escolhidas – StartSe

O sócio da StartSe, Felipe Leal, head na China da startup, afirma que o objetivo do projeto é colocar os empresários e executivos brasileiros em contato direto com os ecossistemas de inovação do gigante asiático. “Ao executar programas de imersão nos polos de inovação mais latentes na China mostraremos quais são os modelos inovadores, as boas práticas e as características de empresas relativamente pouco conhecidas no Brasil, mas que tem ganhado o mundo e estão reescrevendo o livro de inovação numa velocidade jamais vista.”

“China”

Na palavra “China” estão as iniciais dos pressupostos da metodologia adotada pela StartSe, ilustra o consultor: “A missão proverá aos participantes, independente do segmento e nicho de empresas que atuam, uma visão única de inovação e escala. Se você é da área de finanças ou de TI, entenderá como a ciência de dados, uso de inteligência artificial e suas variações estão sendo desenvolvidas e aplicadas à maior população do mundo. Para isso, utilizamos a metodologia C-H-I-N-A (Contexto – How to do business – Innovation – New Ecosystem – Action), desenvolvida pelo time da StartSe na China, e em que a última etapa fomenta a construção de ações concretas para o retorno ao Brasil após a imersão”.

Assespro-Paraná

Os associados à Assespro-Paraná interessados em participar da Missão China podem entrar em contato com a entidade. Fone/WhatsApp: (41) 3337-1073. E-mail: assespro@assespropr.org.br

Divulgação wikipedia Shangai é uma das cidades selecionadas para visita dos empresários paranaenses
Instagram