Seu filho não gosta de comer? Veja objetos que podem estimulá-lo na hora do almoço

Confira dicas de como fazer com que as crianças aceitem os alimentos com mais facilidade.

Um dos grandes desafios que os pais e responsáveis enfrentam durante a criação dos filhos está diretamente ligado à alimentação. Boa parte das crianças apresenta resistência a alguns alimentos — normalmente, os mais saudáveis e importantes para o organismo, como legumes e verduras.

Com isso, a hora das refeições pode ser difícil para toda a família, quando o ideal seria que esse fosse um momento agradável e tranquilo. Embora essa situação seja difícil, há medidas para resolvê-las. Uma delas é apostar em objetos divertidos para estimular os pequenos, mas vamos por partes.

Antes de tudo, é preciso ter calma, paciência e compreensão. Calma porque o nervosismo só piora o problema; paciência porque a mudança não acontecerá de um dia para o outro; e compreensão porque as crianças precisam ser ouvidas para aprenderem a ouvir.

Lembre-se de que seu filho é seu espelho e, por isso, tende a repetir o que você fala, a forma que você age e o que você faz. Se você for impaciente, estressado e incompreensivo, assim ele será. Ciente disso, continue lendo este artigo e confira objetos que podem ajudar a estimular seu filho a comer de maneira respeitosa, não impositiva e amigável.

Kit de alimentação infantil

Um kit de alimentação infantil normalmente é composto por prato, colher e copo. Embora esses objetos sejam bastante simples, se você souber utilizá-los a seu favor, eles podem ter um impacto positivo na rotina alimentar do seu pequeno.

Para que isso seja possível, o primeiro passo é comprar um kit que o agrade. Há diversas opções de cores e até mesmo personagens no mercado. Então, escolha a cor e o personagem preferido da criança e a surpreenda. Dessa forma, você tornará a hora de comer divertida e leve para seu filho. Ele, consequentemente, ficará empolgado para fazer as refeições.

Cadeirinha de alimentação

A cadeirinha de alimentação é importante para estimular a criança a comer, pois o ideal é que a família se sente à mesa e faça as refeições em conjunto. No entanto, as cadeiras da mesa de jantar são feitas para os adultos e os pequenos não têm altura — o que torna a cadeirinha necessária.

Também há vários modelos disponíveis no mercado, desde aqueles portáteis, que são colocados sobre as cadeiras da mesa de jantar, até os chamados cadeirões, que são inteiriços. Escolha a melhor opção de acordo com a idade e o peso do seu filho.

Mesa e cadeira infantil

Se, por algum motivo, não for possível reunir a família à mesa ou não houver uma mesa de jantar específica para isso na sua casa, uma opção é adquirir um conjunto de mesa e cadeira infantil e sentar — no chão — com o seu pequeno enquanto ele estiver comendo em sua mesinha. Se possível, faça suas refeições com ele.

Ainda que não seja o cenário mais confortável, como dito acima, a criança é um espelho de seus responsáveis. Logo, será muito mais simples fazê-la comer se ela vir você comendo. A questão da mesa é necessária para que ela aprenda que existem horários e local apropriado para fazer as refeições diárias. A criança precisa de elementos que façam sentido para ela.

Boneco(a)

Por fim, outro objeto que pode ajudar seu pequeno a comer é um boneco ou uma boneca. Seguindo a lógica do espelho, a partir do momento que você colocar todas as medidas citadas neste artigo em prática, caso a criança tenha um boneco, ela mesmo irá reforçá-las ao repeti-las com ele e, dessa forma, comerá tranquilamente para dar o exemplo ao seu próprio filho de brincadeira.

Instagram