Como estimular bons hábitos de higiene desde a infância?

Os cuidados com a higiene na infância podem ser levados por toda a vida e evitar diversas doenças

O início da pandemia por conta do coronavírus trouxe à tona a importância da higiene pessoal dentro e fora de casa, e isso inclui um cuidado maior principalmente com as crianças, que precisam da higienização dobrada para evitar doenças infecciosas que o corpo infantil ainda não é capaz de sanar sozinho.

A aparição de novos memes no Twitter de crianças ensinando como passar álcool em gel mostra o quanto é valoroso que os pequenos saibam por que precisam se cuidar, mesmo fora da pandemia. É importante explicar de forma simples as consequências de não se higienizar corretamente, como o perigo de bactérias e germes. Uma forma muito prática é brincar com tinta e, logo após, ir lavar as mãos, fazendo alusão aos germes nas tintas que escorrem pelas mãos da criança e passa por todo lugar que ela toca.

Além disso, desde pequeno, é importante manter certos hábitos, para que a criança crie uma rotina e leve para a vida inteira.

  • Lavar as mãos: já é costume lavar as mãos ao chegar em casa, já que são os principais membros do corpo e que entram em contato com outros membros, como boca, nariz e olhos. Mas também é interessante incentivar que os pequenos lavem as mãos antes e depois de usar seus brinquedos, principalmente durante a pandemia, dado que os brinquedos podem ser carregados para dentro e fora dos ambientes familiares.
  • Cortar as unhas: enquanto é saudável que crianças brinquem e se lambuzem de terra e areia, é possível acumular muita sujeira debaixo das unhas, o que pode se transformar em doenças e riscos graves à saúde do pequeno.
  • Tomar banho: é o costume mais comum entre todos os seres humanos e também um dos mais importantes. Banhos limpam a pele de diversos microrganismos, além de evitar assaduras, micoses, mau cheiro, sarna, infecções, entre outras coisas.
  • Trocar de roupa íntima: é de suma importância que crianças menores troquem de roupa e, principalmente, as peças íntimas, como cueca infantil, mais de uma vez ao dia, e não só quando tomar banho, pois germes e bactérias podem se alojar na roupa como nas mãos.
  • Escovar os dentes: manter a higienização bucal regulada, com escova e fio dental, pode evitar muita dor de cabeça futura, já que o primeiro processo para a digestão é ingerir os alimentos pela boca. Os dentistas recomendam que os dentes sejam escovados após todas as refeições e principalmente antes de dormir.

Por fim, também é recomendado ter cautela e concentração nas falas, para poder associar a educação da higiene infantil antes das situações rotineiras. Alguns exemplos são os seguintes.

  1. Lavar as mãos antes de comer um doce.
  2. Tomar banho antes de ouvir uma história.
  3. Escovar os dentes antes de passear.
  4. Pentear o cabelo antes de dormir.

Foto:Divulgação

Instagram