Usina solar fotovoltaica: O que é, como funciona e principais benefícios

A energia solar fotovoltaica converte diretamente a luz solar em eletricidade, utilizando uma tecnologia baseada no efeito fotovoltaico.

Quando a radiação do sol atinge uma das faces de uma célula fotoelétrica (muitas das quais formam um painel solar), ela produz um diferencial de tensão elétrica entre as duas faces que faz com que os elétrons fluem de uma para a outra, gerando uma corrente elétrica.

Existem três tipos de painéis solares:

Fotovoltaicos -Geradores de eletricidade para serem fornecidos às residências;

Térmica – Instalada nas casas para receber o sol diretamente;

Termodinâmicas – Que operam em condições climáticas variáveis, ou seja, à noite, quando está chovendo ou nublado.

Quando a tecnologia fotovoltaica começou, ela era usada para fornecer eletricidade aos satélites.

De maneira geral, a eletricidade gerada por painéis solares fotovoltaicos é inesgotável e não polui, contribuindo para o desenvolvimento sustentável e favorecendo o emprego local.

Em parceria com a Maya Energia, uma das principais empresas de energia solar em BH, listamos os principais benefícios dessa energia, levando em consideração a importância da usina solar fotovoltaica. Acompanhe a leitura!

Leia também: Por que agora estamos na melhor época para investir em energia solar

Contra a alteração climática

A energia solar fotovoltaica não emite gases de efeito estufa que causam o aquecimento global nos processos de geração de energia, tornando-a a solução mais limpa e viável para prevenir a degradação ambiental.

Inesgotável

Em comparação com as fontes de energia convencionais, como carvão, gás, petróleo e nuclear – as reservas são finitas – as energias limpas estão tão disponíveis quanto o sol de onde se originam e se adaptam aos ciclos naturais, daí o seu nome “renovável”.

Isso os torna um elemento essencial em um sistema de energia sustentável, que permite o desenvolvimento hoje sem arriscar as gerações futuras.

Não contaminante

A energia fotovoltaica não emite substâncias tóxicas ou contaminantes para o ar, o que pode ser muito prejudicial ao meio ambiente e ao ser humano.

As substâncias tóxicas podem acidificar os ecossistemas terrestres e aquáticos e corroer edifícios. Os contaminantes do ar podem desencadear doenças cardíacas, câncer e doenças respiratórias como a asma.

A energia fotovoltaica não gera resíduos nem contamina a água – fator extremamente importante devido à escassez de água.

Ao contrário dos combustíveis fósseis e das usinas nucleares, a energia eólica tem uma das pegadas de menor consumo de água, o que a torna uma chave para a conservação dos recursos hidrológicos.

Cada vez mais acessível

Hoje em dia, as energias renováveis, especificamente eólica e fotovoltaica, são mais baratas do que as energias convencionais em grande parte do mundo.

As principais tecnologias renováveis – como a eólica e a solar fotovoltaica – estão reduzindo drasticamente seus custos, tornando-se totalmente competitivas com as fontes convencionais em um número cada vez maior de localidades.

Economias de escala e inovação já estão fazendo com que as energias renováveis se tornem a solução mais sustentável, não só ambientalmente, mas também economicamente, para abastecer o mundo.

A energia solar causa menos perda de eletricidade

A eletricidade precisa ser transportada de grandes usinas de energia para os consumidores finais por meio de redes extensas.

As transmissões de longa distância equivalem às perdas de potência. Já se perguntou para que são usados os painéis solares? Eles estão no seu telhado para obter energia do sol.

A energia solar no telhado é útil para aumentar a eficiência elétrica, considerando a curta distância. Sua energia se torna doméstica e, como resultado, você controla suas próprias contas e o uso de energia.

Além disso, os sistemas de energia solar são duráveis, portanto, as chances de interrupção do serviço são reduzidas.

A energia solar melhora a segurança da rede

Quando muitos de nós mudamos para a energia solar, é menos provável que tenhamos apagões e quedas de energia.

Cada residência que tem células solares instaladas funciona como uma pequena central elétrica. Isso, por sua vez, nos proporciona uma maior segurança da rede elétrica, especialmente em termos de desastres naturais ou de origem humana.

Com a ajuda de concessões de painéis solares, você também pode ser pago para exportar eletricidade de volta para a rede.

Leia também: Tomada solar – O que é e como funciona

Gerando energia do Sol: Fotovoltaica

George Porter, vencedor do Prêmio Nobel de Química de 1967, disse certa vez: “Não tenho dúvidas de que teremos sucesso em aproveitar a energia solar. Se os raios solares fossem armas de guerra, teríamos tido energia solar há séculos”.

Felizmente, vivemos agora em uma era em que a energia solar é usada de forma eficiente, sustentável e pacífica. A principal tecnologia que nos permite usar a energia solar é a energia solar fotovoltaica.

A energia solar fotovoltaica é usada para converter a luz solar em eletricidade. As células solares fotovoltaicas são feitas de materiais semicondutores (por exemplo, silício).

Quando exposto à luz solar, o material semicondutor faz com que os elétrons nos átomos dos materiais se soltem.

Os elétrons que são soltos fluem através do material para produzir uma corrente elétrica conhecida como corrente contínua. Resumindo, a luz separa os elétrons dos átomos para criar uma corrente elétrica.

Gostou do conteúdo? Acompanhe o Jornal Joseense News

Instagram