Suzano incentiva compartilhamento de fotos para estimular conexão entre pessoas e natureza em meio à pandemia

Suzano, referência global na produção de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, em parceria com o Instituto Ecofuturo, organização sem fins lucrativos mantida pela empresa, desenvolveu um movimento colaborativo para incentivar e fortalecer a conexão das pessoas com a natureza e o bem-estar, especialmente em tempos de isolamento social e privação de acesso a locais públicos. Intitulada “Nossa Natureza” (perfil @suzanoournature no Instagram), a iniciativa já nasceu com um olhar global sobre o tema – por isso, o perfil em inglês e os conteúdos postados sempre de forma bilíngue (inglês e português) – e é um convite para que as pessoas renovem a percepção em relação à natureza, mesmo de dentro de suas casas.

Lançado em julho, o movimento é voltado para diferentes públicos, incluindo colaboradores da companhia e seus familiares, além de parceiros. Por meio do canal no Instagram, os usuários da rede social podem participar de desafios semanais, que buscam propor um olhar mais atento à natureza presente no nosso dia a dia, a partir do compartilhamento de fotos e troca de experiências. Os melhores cliques serão repostados no perfil @suzanoournature.

“O cenário atual tem levado as pessoas a buscarem cada vez mais conexões que contribuam com o equilíbrio emocional, restaurando a energia e aumentando a disposição, fundamentais nesse momento delicado. A iniciativa visa mostrar que a conexão com a natureza é essencial e que ela acontece mesmo quando estamos dentro de casa”, afirma Marcela Porto, Head de Comunicação e Marca da Suzano.

@suzanoournature

No perfil @suzanoournature, também são disponibilizados diversos conteúdos práticos e inspiradores, desde imagens simples da natureza presente no cotidiano, registradas através das janelas ou mesmo de dentro das casas, até dicas de como podemos nos aproximar da natureza, seja ouvindo playlists com sons de pássaros ou das águas que ajudam na concentração, no cultivo de plantas ou pequenas hortas, e até promovendo atividades lúdicas com as crianças, usando elementos naturais.

“A privação do contato com o ambiente natural evidenciou o que muitas pesquisas já comprovaram: a importância da conexão com a natureza para nosso bem-estar físico, mental e emocional. Nesse momento, o movimento nasce como um incentivo a renovarmos o olhar e buscamos novas maneiras de sentirmos a natureza presente no nosso dia a dia”, afirma Paulo Groke, diretor superintendente do Instituto Ecofuturo.

Para fazer parte desse movimento, basta seguir a conta @suzanoournature no Instagram e compartilhar os melhores cliques em contato com a natureza usando as hashtags #SuzanoNossaNatureza e #SuzanoOurNature.

Suzano

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Instituto Ecofuturo

O Instituto Ecofuturo contribui para transformar a sociedade por meio da conservação ambiental e promoção de leitura, integrando livros, pessoas e natureza. Entre as principais iniciativas estão o projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo, com a implantação de mais de 100 bibliotecas no País, e a gestão do Parque das Neblinas, onde são desenvolvidas atividades de educação ambiental, pesquisa científica, ecoturismo, manejo e restauração florestal, e participação comunitária. Organização sem fins lucrativos, fundada em 1999 e mantida pela Suzano, o Instituto atua como articulador entre sociedade civil, poder público e o setor privado. Conheça mais sobre o Ecofuturo em www.ecofuturo.org.br, e acompanhe em www.facebook.com/InstitutoEcofuturowww.youtube.com/institutoecofuturo e www.instagram.com/ecofuturo.

Instagram