Educação de São José tem alto grau de satisfação, segundo Indsat

São José dos Campos encerrou 2020 com Alto Grau de Satisfação em Educação Pública entre as 10 maiores cidades do Estado, segundo pesquisa realizada pela Indsat (Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos).

A Educação em São José obteve 669 pontos no ranking, índice que indica Alto Grau de Satisfação, fechando o ano passado com 46% de aprovação e 13% de rejeição.

Indsat

O Indsat mede a satisfação de 16 serviços públicos nas 10 maiores cidades do Estado desde o último trimestre de 2016.

Devido a pandemia da Covid-19, as escolas municipais tiveram as aulas presenciais suspensas em março de 2020. Desde fevereiro deste ano, o ano letivo começou com atendimento presencial e remoto.

As famílias podem optar se enviam os filhos às aulas na escola, até duas vezes por semana dependendo do ano em que o aluno estuda, ou se eles acompanham as atividades remotas.

As atividades presenciais seguem todos os protocolos de segurança do Plano SP e sob orientações da Vigilância Sanitária.

Histórico

De 2016 até hoje, o pior momento da Educação Pública de São José foi no último trimestre de 2016, quando o setor obteve 26% de aprovação e 22% de rejeição.

O melhor momento registrado foi no segundo semestre de 2020, logo após as primeiras medidas de contenção da Covid na rede municipal. À ocasião, a cidade registrou 53% de aprovação e apenas 9% de rejeição.

Metodologia

Enquanto o grau médio de satisfação se refere aos setores que conquistam entre 500 e 649 pontos, o alto grau é a classificação exclusiva dos segmentos que registram entre 650 e 799 pontos. A partir de 800 pontos, a área passa a ser classificada com grau de excelência.  

Todo município brasileiro pode participar dos estudos trimestrais de avaliação administrativa da Indsat. São 16 serviços públicos avaliados por trimestre, além de pesquisas para deputado, prefeito, governador, presidente.

 São José fechou com 46% de aprovação e 13% de rejeição o último trimestre de 2020, tornando-se a única das 10 maiores do Estado a atingir esta marca – Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Instagram