Quais nutrientes não podem faltar na dieta do periquito?

Frutas e folhas são importantes no cardápio dessas aves.

Quem tem um pet em casa sabe que ele exige uma série de cuidados, que abrangem a higienização do ambiente, o banho, a troca da água e da ração, bem como aquela dose extra de carinho e atenção.

Em se tratando de aves de estimação, por exemplo, os cuidados devem ser ainda mais específicos por se tratar de uma espécie completamente diferente de um cão ou um gato — bem mais comuns nos lares brasileiros.

Na hora de alimentar um animal como um periquito é preciso bem mais que um simples alpiste para mantê-lo nutrido e saudável. E é sobre isso que vamos falar hoje. Veja a seguir um pouco mais sobre a dieta ideal para o seu pet de asas.

Alimentação variada

A alimentação dos pássaros que vivem livres na natureza é extremamente diversificada e inclui frutas, pequenos insetos, flores, brotos e grãos variados. Além disso, eles necessitam de uma espécie de capa de gordura que serve de reserva energética em momentos de escassez alimentar.

Exatamente por isso a dieta de um pássaro livre acaba tendo que ser mais farta do que a de um pássaro em cativeiro. A redução da mobilidade faz com que o animal precise ingerir menos do ponto de vista calórico para não correr o risco de ficar obeso.

Contudo, isso não significa que a alimentação de um periquito criado em casa, por exemplo, tenha que se restringir ao alpiste e sementes de girassol. Na verdade, é preciso que haja uma integração com outros tipos de alimentos que permitam que o seu pet continue nutrido e saudável em casa.

Tipos de ração

A ração deve fazer parte da dieta do periquito. No mercado, existem três tipos: farelada, peletizada e extrusada. A primeira é a forma original da ração, mais grossa, porém permite que a ave separe os grãos. A peletizada, por sua vez, é mais uniforme e fina — contudo, no processo de fabricação, alguns nutrientes são perdidos.

A mais indicada, portanto, é a extrusada que é composta por ingredientes como aveia, trigo, linhaça e milho, e em um formato uniforme que evita desperdícios e faz com que o pet consiga ingerir todas as variedades de grãos de uma só vez.

Frutas

Além da ração, você pode intercalar a dieta do seu periquito com algumas frutas que devem ser previamente lavadas, descascadas e, se possível, cortadas em tamanho menor.

O mamão papaia é uma das frutas mais indicadas, por ser rica em fibras, vitaminas A e C, além de ter uma ótima ação antioxidante e diurética. Melão e melancia também são liberados e são ótimos pela quantidade extra de água. Laranja e tangerina são ricos em vitamina C e também são ótimas opções.

A banana também entra no leque de frutas permitidas, mas deve ser oferecida em menor quantidade porque pode gerar ressecamento na ave. Frutas vermelhas e pêssego também são liberados. No entanto, exclua do cardápio ameixa, limão e abacate que contém substâncias tóxicas para o organismo dessas aves.

Verduras e folhas

Em se tratando de verduras, as preferidas dos periquitos são cenouras (imprescindível na dieta; é fonte de várias vitaminas e minerais e tem ação antioxidante), tomate (ajuda a regular o sistema digestivo), pimentão (contém vitamina B6 e C) e jiló (contém minerais como fósforo, ferro, potássio e magnésio).

As folhas mais indicadas são as verde-escuras. A endívia, por exemplo, ajuda a regular o intestino da ave, enquanto o espinafre possui ação anti-inflamatória. A acelga é uma ótima opção por ser rica em vitaminas A, C e ferro, bem como a alface, com vitaminas B1, B2 e B3. Antes de oferecê-las, todas devem ser lavadas.

Suplementos

Os periquitos também podem comer alguns suplementos vendidos em casas de ração animal e pet shops. Os mais comuns são as barras de frutas, mel e vitaminas. Não se esqueça de oferecer a sépia (uma espécie de concha riquíssima em cálcio) e os blocos minerais (repleto de vários compostos nutricionais).

Apenas alimentos como sementes de frutas, cebola, cogumelo, bem como as frutas já mencionadas acima, não podem ser oferecidos. Em caso de dúvida, procure o seu médico veterinário.

Instagram