Como higienizar corretamente as roupas de cama?

Confira alguns cuidados que irão proporcionar uma melhor lavagem dessas peças

Depois de um dia cheio, não há nada melhor do que deitar para descansar e encontrar a nossa cama limpa, cheirosa e macia. Para desfrutar dessa sensação prazerosa, é necessário que a limpeza do lençol, do cobertor, da fronha e dos demais acessórios seja feita de forma adequada.

Isso porque, durante o sono, o corpo humano costuma transpirar bastante, fazendo com que ocorra a liberação de oleosidade, de suor e até de alguns germes, diretamente nos lençóis e fronhas.

Por isso, para manter os seus jogos de cama cheirosos, bem higienizados e livres de ácaros, é essencial tomar alguns cuidados extras no momento da limpeza, e não apenas jogar as peças diretamente na máquina de lavar.

Com que frequência lavar a roupa de cama?

É fundamental manter uma escala de lavagem desse tipo de roupa, mesmo que não pareça estar sujo, pois essa é a melhor forma de evitar o acúmulo de sujeiras e a proliferação dos ácaros.

Para os itens mais leves, como lençóis e fronhas, o ideal é que a higienização seja feita ao menos uma vez por semana.

Já para as peças mais pesadas, que costumam ser utilizadas com menos frequência, como edredons e cobertores, o recomendado é lavar a cada dois meses se eles já estiverem em uso, ou lavar sempre antes de usar, caso eles estejam guardados por um longo período.

Como lavar lençóis e fronhas?

Mesmo parecendo algo muito simples, você pode adotar boas práticas para  uma lavagem apropriada e eficaz das peças. Conheça, a seguir, o passo a passo.

Faça uma pré-lavagem se houver manchas.

Caso as peças estejam manchadas — o que costuma ocorrer frequentemente com as fronhas — é necessário fazer uma pré-lavagem antes de utilizar a máquina.

Basicamente, você pode passar um produto específico para tirar manchas ou até mesmo um sabão neutro, e caso haja necessidade, deixe a peça de molho por alguns minutos e depois esfregue-a com cuidado.

Separe as roupas de cama por tecido

Para evitar o surgimento das famosas bolinhas que acabam com a aparência das suas peças, não se deve misturá-las com os demais tecidos na máquina. É recomendado lavar as peças que são compostas 100% por algodão separadamente das que contenham poliéster ou outras fibras.

Separe também por cores

Da mesma forma que não deve misturar tecidos diferentes em uma mesma lavagem, assim também funciona com as cores. Assim, os itens de cor branca podem ser lavados juntos sem nenhum problema, porém nunca se deve misturá-los com as peças coloridas.

Ajuste o ciclo da máquina de lavar adequadamente

Hoje em dia, quase todas as máquinas de lavar possuem a opção “roupa de cama”, que é um recurso que facilita bastante essa tarefa, necessitando apenas de alguns ajustes, como a quantidade de água, por exemplo.

Portanto, basta utilizar esse recurso e ajustar o ciclo de acordo com a quantidade de roupas que vão ser lavadas. Mas se a sua máquina não possui essa opção, a função “lavagem normal” já é o suficiente.

Vale lembrar também que os tecidos desse gênero de roupa costumam ser um pouco mais frágeis, então não há necessidade de uma lavagem mais pesada ou agitada.

Como lavar edredons e cobertores?

Antes de lavar as peças mais robustas, como edredons e cobertores, é necessário verificar a capacidade da máquina, pois como se trata de itens pesados, o eletrodoméstico deve ter pelo menos 10 kg de capacidade.

Geralmente, o aconselhado é lavá-las individualmente, ajustando o ciclo para o modo delicado e, de preferência, utilizar o sabão líquido. Usar amaciante também é bastante recomendado, pois ele é fundamental para garantir um ótimo perfume e deixar a roupa de cama mais suave.

Finalmente, é muito importante utilizar produtos de boa qualidade para garantir uma higienização satisfatória e maior durabilidade dos seus jogos de cama.

Imagem de ErikaWittlieb por Pixabay 

Instagram