Anitta estrela primeira capa digital do ano na Glamour Brasil

Cantora falou sobre carreira, vida pessoal, relacionamentos e spoilers de seu novo single “Boys Don’t Cry”

Anitta

Glamour: Você continua à frente de todas as decisões da própria carreira? Pelo visto sim…

Anitta: “Hoje deixo um pouco mais nas mãos de outras pessoas, separo mais as tarefas. Tenho um manager aqui fora, e no Brasil deixo meu irmão e o meu sócio organizando as coisas. Fiz isso porque realmente era muita coisa acumulada em mim, eu não tinha tempo nem para viver. Olhava cada contrato, cada papel. Agora, eu faço 100% da parte criativa”.

Glamour: Pode dar um spoiler de cenas e suas inspirações (para o clipe de “Boys Don’t Cry”)

Anitta: “Tem um look vermelho que é total referência do filme “Beetlejuice”. A cena em que o uso é um casamento, inspirado no filme “Noiva em Fuga”, com Julia Roberts. Tem um ônibus similar ao de “Priscilla, Rainha do Deserto”, outras cenas inspiradas em “Harry Potter”, “Madrugada dos Mortos”, “The Walking Dead”, “Meu Namorado é um Zumbi”, até “Titanic”. É algo bem fim do mundo, com os meus ex-namorados correndo atrás de mim desesperados. A gente conseguiu chegar em um resultado exatamente igual ao que imaginei na minha cabeça”.

Glamour: No meio de tantas conquistas e experiências incríveis, você se pega pensando na sua época como MC Larissa, aonde chegou, nos espaços que está ocupando?

Anitta: “Eu tento não pensar nisso, porque eu também quero ser enxergada como Larissa pelas pessoas que estão na minha vida fora dos palcos. Tento doutrinar quem anda comigo para que pensem que eu sou uma pessoa normal, porque eu não quero ter a sensação de que eu preciso ser a Anitta bem-sucedida para ter felicidade ou sucesso nas outras áreas da minha vida. Isso acaba prejudicando as relações”.

Glamour: Falando nelas (nas relações), você estava no Brasil, voltou aos Estados Unidos para o Ano-Novo, retornou para cá… Rolou algum romance de verão ou algum romance de inverno?

Anitta: “Eu não tenho como ter romance! Não tenho nem como ter um lance em cada lugar que eu piso, porque cada dia eu estou em um lugar. Ontem eu fui dormir no Brasil e acordei aqui em Miami. E depois de amanhã eu já vou dormir em Miami e acordar no Brasil, então assim, não tem muito nesse momento como eu ter um romance. Eu gostaria muito, adoraria, eu gosto muito dessa coisa de relação, embora a personagem Anitta na Internet, nas redes sociais, nos programas, nas músicas seja essa pessoa louca, solta, que faz e acontece… Eu na minha vida pessoal sou bem diferente: gosto de ter relações, gosto de ficar na minha também. Só que nesse momento está impossível pela minha agenda, por tudo que eu tenho feito. Quando começa a engatar alguma coisa eu já tenho que viajar, e sumir para não sei onde por não sei quantos dias, e aí já desanda”.

Glamour

A entrevista na íntegra está disponível no site da Glamourhttps://glamour.globo.com/

“Boys Don’t Cry”

Foto:Gabriela Schmidt
Instagram