Ranking dos melhores sul-americanos que jogaram pelo West Ham

À medida que a Premier League desta temporada chega ao fim, muito do que se fala tem sido sobre o domínio do Manchester City, ou como o Liverpool não está nem perto da força formidável que foi na campanha anterior. Mas lentamente fora do radar está o West Ham.

Completamente rejuvenescido sob David Moyes, o clube do leste de Londres que terminou em 16º na temporada passada – e apenas cinco pontos da zona de rebaixamento – está passando por um momento muito melhor. Considerando as últimas apostas da casa de apostas exclusiva, e com os torcedores sonhando com as competições Europeias, a batalha pelo quarto lugar ainda está muito forte.

Então, para comemorar seus sucessos nesta temporada, vamos contar regressivamente os cinco melhores sul-americanos que jogaram pelos Hammers.

Pablo Zabaleta

O argentino conheceu a Premier League como a palma da mão, após nove temporadas no Manchester City. E sua experiência dentro e fora do campo estava lá para todos verem quando ele trocou Manchester por Londres. O zagueiro esteve sempre presente em sua primeira temporada, antes que seu nível de atuação caísse e Zabaleta se aposentasse no final da temporada passada. Mas, claro, os fãs dos Hammers sabiam o que esperar do grande lateral direito.

Ilan

Ele pode ter chego com um contrato de seis meses, antes de ser dispensado e ser considerado abaixo do nível do time, Ilan marcou alguns gols cruciais. Empatando contra o Everton, marcando o único gol do jogo contra o Sunderland e marcando o primeiro gol em um jogaço de cinco gols contra o Wigan Athletic, o brasileiro pensou que tinha feito o suficiente para garantir um contrato de longo prazo. Infelizmente, não era para ser – Ilan voltou ao Brasil e o West Ham foi rebaixado na temporada seguinte.

Felipe Anderson

Na época, ele foi a contratação mais cara do West Ham, e Felipe Anderson teve uma boa temporada de estreia pelos Hammers – marcando nove gols ao terminar em 10º na Premier League. A forma inconstante levou a sua queda e, depois de cair em desgraça com Manuel Pellegrini e, mais recentemente, com Moyes, o brasileiro foi enviado por empréstimo de uma temporada ao Porto, em Outubro passado. Ele fez apenas algumas partidas na Primeira Liga nesta temporada.

Manuel Lanzini

O meio-campista argentino originalmente chegou por um empréstimo de uma temporada dos Emirados Árabes, mas teve seu contrato permanente, e desde então está no Leste de Londres. Lanzini sofreu algumas lesões terríveis, incluindo um ACL e clavícula, mas dedicou seu futuro ao clube, estendendo seu contrato até 2023. Ele marcou um gol inacreditável de 25 metros, arrebatando um ponto no empate em 3×3 contra o Tottenham Hotspur no início desta temporada.

Carlos Tevez

Se a contratação de Carlos Tevez gerou polêmica – já que ele e o compatriota Javier Mascherano vieram na mesma época do Corinthians – não há como negar que os gols de Tevez mantiveram os Hammers bem na temporada 2006-07, principalmente na última rodada da temporada, com o West Ham vencendo o Manchester United. Mas ele rapidamente abandonou o barco e foi para o clube de Old Trafford, desejando permanecer na Premier League.

Instagram