Metaverso em pauta na nova edição da Revista Crea São Paulo

Reportagem de capa aprofunda o tema ao destacar os avanços tecnológicos na área

Apesar de não ser um termo novo, o metaverso tem ganhado projeção e é apontado como a próxima evolução da Internet. O interesse pelo conceito despertou uma corrida para desenvolver e amadurecer as tecnologias necessárias para os usuários acessarem experiências coletivas em ambientes virtuais. Para responder aos questionamentos sobre o impacto do metaverso na área tecnológica e na sociedade, a reportagem de capa da quarta edição da Revista Crea São Paulo traz entrevistas com fontes especializadas e tendências de mercado.
 

Metaverso

“Mapeamos as principais oportunidades e desafios que as profissões das Engenharias, Agronomia e Geociências encontram no momento com o objetivo de contribuir com o debate da área tecnológica ao tratar sobre temas que estão latentes na sociedade. São assuntos que devem contar com a participação dos profissionais do Sistema Confea/Crea, pois são essas as profissões que atuam nessas soluções”, ressalta a vice-presidente no exercício da presidência do Crea-SP, Eng. Lígia Marta Mackey.
 

A diretora de Educação do Conselho, Eng. Agr. Andrea Sanches, acrescenta que o propósito da publicação é ser uma ferramenta de aproximação e diálogo entre os profissionais da área tecnológica, mercado de trabalho e o meio acadêmico. “Com a convergência de todos esses elementos, consideramos que os assuntos que envolvem aprimoramento são fundamentais para apresentar as novas possibilidades de atuação aos profissionais”, complementa.
 

Outras expectativas para o futuro das profissões também são assuntos da Revista Crea São Paulo, como os avanços do agronegócio com a chegada do 5G, ações de promoção da equidade de gênero dentro e fora do Conselho, e a atuação do engenheiro de som, que desempenha papel importante para a segurança da sociedade.
 

A publicação conta ainda com o suplemento tecnocientífico, um espaço dedicado para divulgação de artigos produzidos por pesquisadores da área tecnológica em diferentes modalidades do Sistema Confea/Crea, e selecionados pela Diretoria de Educação do Crea-SP e pela Coordenação do Colégio de Instituições de Ensino (CIES).
 

Os conteúdos oferecem diversidade de conhecimento, abordando modalidades de sondagem, gestão e distribuição hídrica, estudo sobre concreto convencional e concreto com potencial de autocicatrização, fermentação de café arábica, microbiologia do solo, diagnósticos de manifestação patológicas em estruturas de concreto e indústria 4.0.

A quarta edição da Revista Crea São Paulo está disponível na Biblioteca Virtual do Conselho, neste link.

 

Crea-SP


Sobre o Crea-SP – Instalada há 88 anos, a autarquia federal é responsável pela fiscalização, controle, orientação e aprimoramento do exercício e das atividades profissionais nas áreas da Engenharia, Agronomia e Geociências. O Crea-SP está presente nos 645 municípios do Estado, conta com cerca de 350 mil profissionais registrados e 95 mil empresas registradas.

Revista Crea São Paulo

Instagram