Corpo de Bombeiros RJ recebe Ministro do STF em cerimônia de 165 anos da corporação

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) completou 165 anos na última sexta-feira (02.07), mesma data em que se comemora o Dia Nacional do Bombeiro. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, prestigiou, durante a manhã, a reabertura do museu da corporação, acompanhou o lançamento do projeto social Salvaguarda Mirim e recebeu a medalha Grã-Cruz da Ordem do Mérito de Bombeiro Militar, a mais alta honraria concedida pela corporação. O governador Cláudio Castro e o secretário de Estado de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros RJ, coronel Leandro Monteiro, foram os anfitriões do encontro.

Foto : CBMERJ

Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ)

A solenidade reuniu poucos convidados, entre eles: o presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, deputado André Ceciliano; o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira; o presidente do Tribunal Regional Federal – 2ª Região (TRF2), desembargador federal Messod Azulay Neto, o defensor público-geral, Rodrigo Pacheco e o procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Estado (MPRJ), Luciano Mattos.

Medalha Grã-Cruz da Ordem do Mérito de Bombeiro Militar

Ao final da solenidade, todos assistiram a uma demonstração profissional envolvendo militares especializados em diversos tipos de salvamento. Foram apresentadas atividades como rapel, plano inclinado, escalada da torre, descida invertida, atividades subaquáticas no tanque em chamas, simulado de combate a incêndio e de atendimentos pré-hospitalares com motos e ambulâncias. 

Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux

Para o ministro Fux, receber uma comenda de uma instituição exemplar como essa, essencialmente brasileira, é uma honra.

 

Quando fui convidado para estar aqui hoje, quis fazer uma reflexão sobre a afinidade da profissão do juiz e dos bombeiros. Assim como a atividade do juiz exige sensibilidade, caridade e atos de bravura, a dos bombeiros segue a mesma linha. A vivência diuturna diante de misérias, tragédias e aberrações cotidianas faz com que ambos os profissionais sejam corajosos, que lutem pela vida e pela justiça.  Que a chama do trabalho de excelência do Corpo de Bombeiros nunca se apague – se emocionou o ministro, proferindo a mensagem.

Foto : CBMERJ

Governador Cláudio Castro

O governador Cláudio Castro aproveitou a oportunidade para falar sobre o orgulho de ter um ministro do Tribunal do Rio de Janeiro passando por todas as estâncias, presidindo, hoje, a corte máxima. Quebrou o protocolo e contou um pouco sobre a personalidade e gostos do homenageado.

O comandante-geral agradeceu a presença das autoridades e falou sobre a instituição. Aproveitou para lançar o projeto social Salvaguarda Mirim, de lutas marciais para crianças e jovens, que será conduzido pelo Centro de Educação Física da corporação

Em menos de um ano como comandante-geral, tenho colecionado desafios e alegrias. Comprometido com a defesa institucional e com a valorização da tropa, estamos buscando atender os maiores anseios verificados nos últimos anos. Afirmo e agradeço aos meus comandados: o trabalho de vocês perante a sociedade permite que o CBMERJ construa valiosas relações com os mais distintos órgãos do Estado. O apoio que recebemos do Governo do Estado e demais autoridades está baseado na certeza de que a população fluminense pode contar com o empenho abnegado de militares capacitados e muito bem equipados – atestou o comandante.

Foto: CBMERJ
Instagram