CI&T amplia alcance na Ásia-Pacífico, com expansão na Austrália e Nova Zelândia

CI&T, multinacional brasileira especialista digital para grandes marcas globais, em expansão global contínua, anuncia novo impulso na Austrália e na Nova Zelândia (ANZ). Com forte presença na América do Norte e do Sul, além de Europa e Ásia, esse movimento estratégico foi projetado para ampliar o alcance da CI&T para atender empresas em escala global, bem como clientes que já operam no mercado ANZ.

A CI&T fornece serviços de estratégia, pesquisa, design e engenharia para as maiores empresas do mundo. A companhia transforma digitalmente os negócios dos clientes ao cocriar modelos de negócios, produtos, plataformas digitais e formas inovadoras de trabalho. 

“Embora a CI&T já tenha presença na região Ásia-Pacífico, com sólidos relacionamentos no Japão e na China, a expansão para Austrália e Nova Zelândia oferece aos nossos clientes atuais cobertura em territórios muito maiores, o que é um grande benefício”, explica Felipe Rubim, vice-presidente da CI&T para ANZ e Ásia. “Estamos entusiasmados em trazer nossa abordagem única da cultura lean e nossa experiência para essa região, e ajudar as empresas a seguir em frente com suas estratégias de transformação digital em um momento tão crucial.”

“Nós somos especialistas em conduzir inovação e crescimento contínuo por meio de tecnologia para negócios e pessoas”, afirma Leo Abdala, diretor de Transformação Digital da CI&T para ANZ. Ele também ressalta o entusiasmo em trabalhar com clientes na Austrália e Nova Zelândia dispostos a embarcar no processo de aceleração e transformação digital. “Com nosso conhecimento e expertise adquiridos em décadas, vamos ajudá-los a atingir seus objetivos muito em breve, especialmente nesses tempos que mais exigem.”

De acordo comestudo recente da IDC sobre as principais tendências digitais na Austrália, a cultura organizacional está emergindo como um dos maiores precursores da excelência tecnológica. A expectativa é que, até 2024, os líderes de 50% das organizações australianas terão dominado as características do “futuro da cultura”, pois buscam liderança digital em grande escala.

“A transformação digital é uma jornada inevitável, e pode significar a diferença entre o sucesso futuro da empresa ou sua queda”, observa Cesar Gon, cofundador e CEO da CI&T. “Os australianos e os neozelandeses sempre tiveram visão de futuro no mundo da inovação, e estamos ansiosos para trazer nossos anos de experiência para a região ANZ.”

Esse anúncio vem na esteira de várias conquistas importantes para CI&T, como a expansão bem-sucedida no mercado de Europa, Oriente Médio e África, com dois novos escritórios em Londres e Lisboa, abertos no início deste ano, e o reconhecimento como um dos Melhores Locais para Trabalhar na Ásia em 2020 pelo Great Place to Work. A empresa também alcançou grande crescimento em 2019 com investimento minoritário estratégico da Advent International, bem como a inauguração de seu novo centro de inovação Prisma Bay Area em Oakland, nos EUA.

Leo Abdala, diretor de Transformação Digital da CI&T para ANZ (esq.) e Felipe Rubim, vice-presidente da CI&T para ANZ e Ásia

CI&T

A CI&T é especialista digital para as marcas mais valiosas do mundo, gerando impacto de negócios comprovado em todos os projetos que lidera. Ao longo de toda sua trajetória, a multinacional brasileira tem sido eleita para resolver desafios complexos, acumulando expertise para acelerar a transformação de grandes líderes do mercado e fazê-las crescer. Por meio do Lean Digital, a CI&T desbloqueia todo o potencial das pessoas, da tecnologia e dos negócios em si. A companhia soma mais de 2.700 colaboradores e colaboradoras, especialistas e pioneiros na aplicação de design e tecnologias avançadas, que trabalham em conjunto com os clientes para promover mudanças profundas e duradouras. Para mais informações sobre a CI&T, acesse: www.ciandt.com

Instagram