São José terá duas apresentações do espetáculo “No palco, com Lélia Abramo” no próximo final de semana

Apresentações acontecem sábado e domingo, no Teatro da Rua Eliza

O espetáculo solo “No palco, com Lélia Abramo”, uma podução da Cia Teatro da Cidade, encenado pela atriz Andréia Barros e com direção de Antonio Januzelli (Janô) terá duas apresentações no próximo final de semana.

Teatro da Rua Eliza

No sábado (25), às 21h, no Teatro da Rua Eliza, acontece a última apresentação pelo projeto “Lélia Abramo, Uma Atriz”, aprovado este ano pela FCCR (Fundação Cultural Cassiano Ricardo), por meio do Fundo Municipal de Cultura, 1349/FMC/2019, da Prefeitura de São José dos Campos. A apresentação é gratuita e aberta ao público.

Ao final da apresentação o público será convidado para um debate com a atriz sobre o processo de trabalho, desde a concepção da ideia até o desenvolvimento final do espetáculo.

O espetáculo já teve quatro pré-estréias, que aconteceram de 25 a 28 de novembro, uma em cada Casa do Idoso da cidade. A estréia aconteceu no dia 5 de dezembro.

“No palco, com Lélia Abramo”

Depois, no domingo (dia 26), às 20h, haverá mais uma apresentação do espetáculo, também no Teatro da Rua Eliza. Desta vez, com ingressos a preços populares. O valor arrecadado será revertido para a manutenção e continuidade dos trabalhos do Teatro da Rua Eliza, um espaço independente que muito contribui para a cultura teatral da cidade e de toda a região.

Sinopse

O espetáculo solo vai percorrer a vida e a carreira de Lélia Abramo (1911-2004) que, mesmo iniciando sua carreira profissional aos 47 anos, conseguiu se firmar como uma das melhores atrizes de sua geração.

Além de sua trajetória marcante no teatro e na televisão, Lélia também ficou conhecida por sua forte participação na política e na cultura. Por conta disso, o espetáculo vai abordar o período da Segunda Guerra Mundial, quando Lélia viveu em Roma, sua militância política na época da Ditadura de Vargas e alguns de seus personagens famosos, como Romana, de “Eles Não Usam Black-Tie”, de Gianfrancesco Guarnieri.

A peça se desenvolve tendo como ponto de partida um encontro ocorrido entre Lélia Abramo e a atriz Andréia Barros, em 1990. Na época, Andréia era coordenadora da Comissão Municipal de Teatro, órgão ligado à FCCR, e foi à casa de Lélia, que seria uma das juradas do Festivale, Festival de Teatro tradicional em São José dos Campos, para buscar alguns documentos.

Atriz Andréia Barros em cena, durante estréia do espetáculo, em dezembro. Foto: Fernanda Baldo

O que era para ser breve acabou se prolongando mais que o previsto e se desenrolando em um longo bate-papo, que viria, quase três décadas mais tarde, dar origem a este espetáculo. “São mais duas oportunidades para quem quer conhecer um pouco mais sobre essa personalidade ímpar que foi Lélia Abramo. Estão todos convidados”, disse a atriz Andréia Barros.