Vereadores aprovam pedido de laudo técnico sobre barragens da Bacia do Rio Paraíba do Sul

Na quarta sessão do ano, nesta quinta (31), foi aprovado o requerimento 237/19, apresentado pela vereadora Renata Paiva (PSD), que solicita ao governo estadual laudo técnico para avaliação da segurança das barragens de Santa Branca, Paraibuna e Jaguari, que fazem parte da Bacia do Rio Paraíba do Sul.

Os vereadores também aprovaram o projeto de lei 280/2017, de autoria da vereadora Flávia Carvalho (PRB), que autoriza a criação do programa “Cultura não tem hora”, com o intuito de incentivar e promover o hábito da leitura. Para possibilitar o empréstimo de livros, o horário de funcionamento da Biblioteca Municipal Cassiano Ricardo será estendido até às 23 horas uma vez por mês.

“Muitos joseenses que se dividem entre os estudos, o trabalho e a rotina com a família e amigos não encontram tempo em horário comercial para se aperfeiçoar e adquirir conhecimento no mundo dos livros”, justifica a vereadora.

Durante a sessão, o presidente da Câmara, vereador Robertinho da Padaria, informou que recebeu ofício do TRE-SP, dando ciência sobre o resultado da ação de perda de cargo eletivo por desfiliação partidária do vereador Fernando Petiti (MDB). Foi estabelecido um prazo de até cinco dias ao vereador para ter acesso ao documento.

Na tribuna como oradora, a vereadora Amelia Naomi (PT), falou sobre os 300 dias de prisão do ex-presidente Lula e as ações de militantes em sua defesa.

Da pauta para votação, seis propostas foram adiadas: projeto de lei complementar 11/17, projetos de lei 24/14, 30/18, 162/18, 260/18, 465/18. Outros 11 novos processos foram lidos e começam a tramitar.

Vereadores em plenário durante a quarta sessão do ano. (Foto: Elizete Ferreira/CMSJC)