Tri de São José nos Jogos Abertos teve raça e emoção

Em uma das edições mais empolgantes dos 83 anos de história dos Jogos Abertos do Interior, São José dos Campos conquistou, na noite de sexta-feira (22), o tricampeonato consecutivo –2017 / 2018 / 2019– e, somados 1969 e 2014, o quinto título da competição.

Depois de dez dias na liderança, São José entrou no último dia dos Jogos rigorosamente empatada com a cidade de Santos, cada uma com 199 pontos. Foi uma sexta-feira de nervos à flor da pele. No final, São José festejou o tri ao somar 249 pontos contra 242 de Santos. Foram 12 títulos de campeã, quatro de vice e nove de terceiro lugar.

Raça e pontos

Restando pontuar em cinco modalidades, atletas e comissões técnicas focaram na necessidade de marcar pontos para a cidade chegar ao título. Com muita raça, cada equipe fez a sua parte. (Veja, abaixo, resultados finais e galerias de fotos do último dia dos Jogos Abertos.)

Futsal feminino – Venceu Marília por 3 a 1 e terminou em terceiro lugar, dando seis pontos para a cidade.

Kickboxing – A modalidade terminou com o feminino em terceiro lugar (seis pontos) e o masculino em oitavo (um ponto).

Malha – A equipe de São José dos Campos venceu Franca por 164 a 116 e ficou com o ouro. A vitória deu mais nove pontos para a cidade.

Tênis de mesa – A equipe de tênis de mesa feminino conquistou o título de campeã, somando 9 pontos. O masculino ficou em terceiro e contribuiu com seis pontos.

Vôlei masculino – O time sub-20 de vôlei masculino venceu Assis por 3 sets a 2 e foi campeão dos Jogos. As parciais foram 25/21, 17/25, 26/28, 25/15 e, no tie break, 15/11. A vitória rendeu nove pontos na classificação geral.

Troféu

Por volta das 20h, com o término do futsal e vitória sobre Marília por 3 a 1, chegou o grande momento: a entrega do troféu para São José dos Campos, a campeã dos 83º Jogos Abertos. O chefe de delegação, professor Claudemir de Assis Cabral, levantou o enorme troféu recebido durante uma rápida solenidade realizada na praça pública defronte ao ginásio do Clube dos Bancários.

“Depois de termos passado por situações difíceis e inesperadas, conseguimos alcançar o nosso objetivo, que era o título. Foi emocionante”, disse Claudemir, após levantar o troféu e comemorar junto com outros dirigentes e com a equipe feminina de futsal.

83º Jogos Abertos do Interior – Marília 2019

Os Jogos Abertos do Interior foram realizados pela Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo em parceria com a Prefeitura de Marília. A Prefeitura de São José dos Campos levou atletas e comissões técnicas apoiados pela LIF (Lei de Incentivo Fiscal) e Fadenp (Fundo de Apoio ao Desporto Não Profissional).

Resultados

Sexta-feira (dia 22)

Futsal feminino livre / 1ª divisão

Marília 1 x 3 São José – 3º lugar

Malha / 1ª divisão

Franca 116 x 164 São José – campeã

Tênis de mesa feminino livre / 1ª divisão

Santos 2 x 3 São José – campeão

Tênis de mesa masculino livre / 1ª divisão

Ribeirão Preto 1 x 3 São José – 3º lugar

Voleibol masculino 20 anos / 1ª divisão

Assis 2 x 3 São José – campeão

Kickboxing

K1 rules feminino até 56Kg – 1º Suellencaroline Lima B. Cruz

Classificação final feminino – 1º Piracicaba, 25,5 pontos; 2º São Bernardo do Campo, 25; 3º São José dos Campos, 17

K1 rules masculino até 81Kg – 3º Erick Komatsu Paranhos

Classificação final masculino – 1º São Bernardo do Campo, 41 pontos; 2º Itu, 25,5; 3º Piracicaba, 22,25; 8º São José dos Campos, 9,5

Pontuação final

(Dez primeiros colocados)

1º São José dos Campos, 249 pontos

2º Santos, 242

3º São Caetano do Sul, 182

4º Sorocaba, 158

5º São José do Rio Preto, 145

6º São Bernardo do Campo, 144

7º Franca, 130

8º Jundiaí, 130

9º Araraquara, 123

10º Marília, 119

São José nos

Jogos Abertos

Classificação final por modalidade

(Até 8º lugar)

Livre – 1ª divisão

Campeã (1º) – atletismo PCD feminino, boxe feminino elite, boxe masculino elite, ginástica rítmica feminino, luta olímpica (wrestling) feminino, luta olímpica (wrestling) masculino, malha, taekwondo masculino, tênis de mesa feminino, vôlei masculino

Vice-campeã (2º) – atletismo PCD masculino, capoeira feminino, taekwondo feminino

3º lugar – badminton masculino, futebol feminino, judô feminino, karatê feminino, kickboxing feminino, tênis de mesa masculino

4º lugar – bocha, capoeira masculino, ciclismo feminino, judô masculino, karatê masculino, natação PCD masculino

5º lugar – biribol

7º lugar – atletismo feminino, badminton feminino, ciclismo masculino, natação PCD feminino

8º lugar – ginástica artística feminino, kickboxing masculino

Livre – 2ª divisão

Campeã (1º) – damas, vôlei de praia masculino

Até 20 anos / 1ª divisão

3º lugar – handebol feminino, xadrez masculino

5º lugar – basquete masculino, ginástica artística masculino (até 16 anos)

6º lugar – xadrez feminino

Até 20 anos / 2ª divisão

Vice-campeã (2º) – basquete feminino

Modalidades sem pontuação

4º lugar – boxe juvenil masculino

Delegação

550 integrantes

449 atletas

111 membros de comissões técnicas da organização

Estrutura

Duas carretas e um caminhão-baú

16 viagens de ônibus (São José – Marília)

215 beliches

450 colchões

cozinha industrial completa

lavanderia com lavadoras e secadoras

jogos eletrônicos

jogos de bilhar

1.600 refeições diárias – 420 refeições em cada um dos quatro horários –no café da manhã, almoço, jantar e ceia da noite

Contratações em Marília

12 funcionários para a cozinha

10 para a limpeza

1 na lavandeira

3 montadores

2 enfermeiras

empresa de segurança 24 horas, que emprega 24 seguranças (12 em dois turnos a cada 24 horas)

Chefe da delegação ergue o troféu do tricampeonato de São José nos Jogos Abertos disputados em Marília – Foto: Rogério Marques