Suzano apoia projetos de música, literatura e artes em Jacareí (SP)

Cinco iniciativas de artistas da cidade serão beneficiadas neste ano por meio da Lei de Incentivo à Cultura, em parceria com a Fundação Cultural de Jacarehy

A Suzano apoia pelo 12° ano consecutivo os projetos que serão realizados em Jacareí (SP), por meio da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), em parceria com a Fundação Cultural de Jacarehy. Neste ano, cinco iniciativas levarão música, literatura, artes cênicas e visuais a vários locais do município.

O projeto “Coro Jovem de Jacarehy – Do Clássico ao Pop” é uma continuação da iniciativa desenvolvida em 2018 – também beneficiada pela LIC – e vai oferecer aulas e ensaios para jovens entre 15 e 30 anos que queiram integrar o coro. No final do ano, o grupo fará um ciclo de apresentações na cidade, todas com entrada franca.

A literatura é o foco de dois projetos: “Contos Premiados” prevê a publicação do livro “Testamento”, do autor Waldir Capucci, uma reunião de 17 contos premiados no Brasil e Portugal, enquanto “Instantes Poéticos” une literatura e teatro para criação de intervenções cênicas, com a previsão de dez apresentações gratuitas.

O patrimônio imaterial da cidade ganha destaque com o “Mural de Azulejos: A Lenda da Cobra Grande”, que trará uma obra contando a história do imaginário popular da cidade, que depois será aberta a visitação.

A outra proposta escolhida, “Ponto Verde no Mapa”, inova com a realização de uma imersão artística no Viveiro Municipal, com intercâmbio de artistas visuais locais para produção de um mapa ilustrado, uma prancha infográfica e coleções gráficas para a difusão em intervenções urbanas.

“A cada ano recebemos grande variedade de projetos culturais de qualidade, que demonstram a riqueza cultural de Jacareí. A participação da população, prestigiando os eventos e apresentações, traz um sentimento de orgulho e comprova que promover a cultura é sempre muito importante”, afirma o consultor de Sustentabilidade da Suzano, Adriano Martins.

A Suzano é incentivadora de projetos culturais por meio da LIC em Jacareí desde 2005. Com os cinco projetos deste ano, a empresa contabiliza 52 iniciativas beneficiadas ao longo dos anos.

 

Projetos apoiados pela Suzano em 2019

 

Contos Premiados

Objetivo: Edição e publicação de 400 exemplares do livro “Testamento”, que reúne 17 contos do jacareiense Waldir Capucci, trabalhos premiados em concursos de literatura realizados no Brasil e em Portugal, como forma de divulgar a produção do escritor e possibilitar a publicação de seu primeiro livro.

Coro Jovem de Jacarehy – Do Clássico ao Pop

Objetivo: Dar continuidade ao projeto iniciado em 2018 e ampliá-lo, visando à formação artística do coro amador, com jovens entre 15 e 30 anos, com ou sem experiência em canto. Realização de aulas e ensaios com profissionais da área para realização de um ciclo de apresentações na cidade, com entrada franca.

Instantes Poéticos

Objetivo: Criar e apresentar intervenções cênicas a partir de textos poéticos brasileiros, utilizando linguagem do teatro contemporâneo e da literatura, com 10 apresentações gratuitas em escolas e espaços públicos.

Mural de Azulejos: A Lenda da Cobra Grande

Objetivos: Dar visibilidade ao patrimônio cultural imaterial de Jacareí, com ênfase nas lendas formadoras da identidade local, por meio da confecção de um mural em azulejos que conta a lenda da Cobra Grande e todo o universo de expressão simbólica envolvido; dar oportunidade ao acesso a uma obra de arte de qualidade e grande proporção em espaços públicos.

Ponto Verde no Mapa

Objetivo: Realizar uma imersão artística no Viveiro Municipal, com intercâmbio de artistas visuais locais para produção de um mapa ilustrado, uma prancha infográfica e coleções gráficas para a difusão em intervenções urbanas, evidenciando a importância deste patrimônio de Jacareí e incentivando o potencial artístico na cidade ao viabilizar o Plano de Estudo e Aprimoramento do coletivo e formação da rede de multiplicadores com professores de arte do município.

Sobre a Suzano

Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Foto: Na imagem, o projeto Coro Jovem de Jacarehy