São José empata e busca fora de casa vaga na final do Paulista

No Estádio Martins Pereira, a equipe sub-20 do Atleta Cidadão empatou sem gols contra o Internacional de Bebedouro na noite deste sábado (26), na primeira partida das semifinais do Campeonato Paulista da segunda divisão. Nesta categoria, o time veste a camisa da equipe profissional do São José Esporte Clube.

A torcida joseense marcou presença no Martins Pereira e empurrou o time durante todo o jogo. O São José teve maior posse de bola, mas não conseguiu reeditar os bons jogos que têm feito na competição, principalmente os meias de criação.

Mesmo com o empate, a campanha da equipe de base joseense tem sido brilhante e invicta. Com o empate deste sábado, são 13 jogos, com nove vitórias e quatro empates. O sub-20 joseense nunca  foi tão longe no estadual. Porém, chegar ao título é importante porque dá vaga na Copa são Paulo do início do ano que vem.

Agora, a equipe precisa vencer fora de casa no jogo de volta, em Bebedouro, para conquistar a inédita vaga na final da competição. Nas semifinais, a equipe que somou mais pontos na fase inicial do campeonato joga por dois resultados iguais, o que não é o caso do São José.

A outra semifinal acontece entre as equipes do XV de Jaú e do Bandeirante de Birigui. O São José viaja na próxima sexta-feira (1º) para Bebedouro e enfrenta o time da casa no sábado (2).

Emoção na arquibancada

A partida deste sábado também emocionou um torcedor em especial, José Matos Goes, de 52 anos, pai do capitão da equipe joseense, o zagueiro Carlão.

“É um privilégio ver meu filho em campo, aqui no Martins Pereira, porque ele está fazendo o que era pra eu ter feito no passado. Fazem 32 anos que eu fiz um teste no São José e não fiquei porque precisava trabalhar”, afirmou Goes.

“Ver meu filho jogar hoje aqui é motivo de muita emoção e ele tem futuro”, completou o paizão, morador do Campo dos Alemães, na região sul de São José.

Atleta Cidadão

O Programa Atleta Cidadão, mantido há 20 anos pela Prefeitura de São José dos Campos, é responsável por detectar, selecionar e treinar crianças e jovens de 7 a 20 anos que tenham aptidão para o esporte competitivo. O programa é utilizado como ferramenta de formação da cidadania.

O Atleta Cidadão atende 25 modalidades, inclusive para pessoas com deficiência (PCD), visando à formação de equipes que representam São José dos Campos em competições regionais, estaduais e nacionais. Caso alcance o estágio de alto rendimento, após os 20 anos o atleta poderá evoluir para competições adultas.

Atualmente, o Atleta Cidadão reúne 1.394 esportistas treinando em 110 categorias. A equipe do programa reúne 142 profissionais nas comissões técnicas, 14 na equipe multidisciplinar, 6 na equipe de gestão e 11 auxiliares de serviços gerais.

Foto: Charles de Moura/PMSJC