Primeiro trem movido a hidrogênio é lançado na Alemanha

Um grupo industrial francês que atua no ramo de infraestrutura de energia e transporte a Alstom, aposta na nova tecnologia como uma alternativa ecológica e silenciosa para o transporte ferroviário e os planos para entrega de 14 trens com emissão zero até 2021. A Alemanha pretende reduzir suas emissões de CO2 em 40% até 2020 e se comprometeu a usar 80% de energias renováveis no abastecimento elétrico até 2050No dia 17 de setembro de 2018 começa a circular o primeiro trem movido a hidrogênio na Alemanha passando por quatro cidades distintas (Cuxhaven, Bremerhaven, Bremervoerde e Buxtehude) em um trajeto de 100 quilômetros.

Os trens são equipados com células de combustível que produzem eletricidade por meio de uma combinação de hidrogênio e oxigênio onde o processo será eliminado apenas água e vapor. Toda a energia elétrica que não será utilizada imediatamente para a tração por ser armazenadas em baterias de íons de lítio que se localiza abaixo do trem. Um conversor auxiliar será usado para aplicações dentro do trem, por exemplo, sistemas de portas e ar condicionado.

Os custos dos trens estão avaliados aproximadamente em 81 milhões de euros, o que é mais do que seria gasto com o mesmo número de trens convencionais a diesel, a LNVG afirma “Claro, comprar um trem de hidrogênio é um pouco mais caro do que um trem a diesel, mas é mais barato de operar”, afirmou.

Autoria: César Seith

Revisão: Ciro Croce e Denis Caputo

Foto do primeiro trem movido a hidrogênio.
Créditos: https://www.flickr.com/photos/loks-privat/31323893670/in/photostream/

Gostou, Compartilhe!
Show Buttons
Hide Buttons