Prefeitura vai instalar nos próximos dias 30 novos abrigos de ônibus

A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão, vai instalar nos próximos dias mais 30 unidades de abrigos de ônibus na cidade.

Serão beneficiados os bairros Massaguaçu, Olaria, Martim de Sá, Prainha, Rio do Ouro, Centro, Indaiá, Aruan, Jardim Britânia, Gaivotas, Santa Marina, Morro do Algodão, Travessão e Pegorelli.

Entre os locais que receberão o benefício estão: Em frente ao Pronto Atendimento do Massaguaçu, na Avenida Pedro Januário Leite na Olaria, na Avenida Aldino Schiavi na Martim de Sá, na Rua Ana Fachinni na Martim de Sá, na Avenida Adaly Coelho Passos na Prainha, na Avenida Francisco Ribeiro no Rio do Ouro, na Avenida Miguel Varlez em frente ao Stella Maris, na Avenida Rio Branco no Indaiá, na esquina das Avenidas Rio Branco e Rio Grande do Norte no Indaiá, na Avenida Rio Branco em frente ao Poupatempo, na esquina das Avenidas Dilson Funaro com Rua Marquês de Herval no Aruan, na Avenida Geraldo Nogueira da Silva no Aruan, na Avenida Rio Branco no Aruan, na Avenida José Herculano em frente ao Cemug, na Avenida José Herculano em frente ao shopping, na esquina das Avenidas Garça e Cardeal no Gaivotas, na Esquina das Ruas São Miguel e Thereza Albino Chacon no Morro do Algodão, na esquina da Avenida Guilherme de Almeida com a Rua São Miguel no Morro do Algodão, na Rua Pedrina Borges Arouca no Morro do Algodão, na Avenida José da Costa Pinheiro Junior no Travessão, na esquina da Rua Yoshiso Shibata com a Avenida Avelino Alves dos Santos no Pegorelli e na esquina das Avenidas Avelino Alves dos Santos e José Geraldo Fernandes da Silva Filho no Pegorelli.

Em relação ao abrigo de ônibus em frente ao Residencial Nova Caraguá II, no Travessão, a Prefeitura solicitará à Sabesp um recuo de seu muro para instalar uma unidade que abrigue o maior número de usuários do sistema de transporte coletivo, dando segurança e conforto.

Além disso, já estão sendo montados abrigos de ônibus nos seguintes locais: Britânia sentido Centro e Martim de Sá sentido Ubatuba na Rodovia SP-55 e mais dois no Perequê-Mirim na Avenida José da Costa Pinheiro Junior, em frente ao Cemitério Getuba sentido Ubatuba, na Rua Irma Lucila no Massaguaçu, no Terminal de Ônibus do Sumaré, em frente ao deck do Massaguaçu no sentido Centro e próximo ao Portal Patrimonium.

Feitos de aço galvanizado à fogo (para que não ocorra oxidação) e vidro temperado transparente (para mais segurança dos usuários), os abrigos terão tamanhos diferenciados, podendo ser de 3, 6 e 9 metros de extensão, de acordo com a necessidade.

A montagem de cada unidade tem três fases e dura em torno de 20 dias. Primeiro monta-se a estrutura por baixo do solo, depois executa-se a plataforma de concreto e, por fim, instala-se a estrutura completa. Concomitantemente a todo esse processo, a equipe da Sepedi acompanha os trabalhos para montagem da acessibilidade.

Desde o início do ano, já receberam o benefício os bairros Massaguaçu, Tarumãs, Poiares, Indaiá, Porto Novo e Jaraguazinho.

Vale ressaltar que o contrato com a empresa terceirizada prevê a instalação de 180 abrigos e o acordo é de que sejam instaladas 30 unidades por mês, e somente são pagos os que forem entregues. Caso não cumpra o acordo, a Prefeitura irá romper o contrato.

A Secretaria de Mobilidade Urbana e Proteção ao Cidadão estuda também a reforma de outros abrigos em condições de serem recuperados.

Foto: Luís Gava/PMC

Gostou, Compartilhe!
Show Buttons
Hide Buttons