Semana Mazzaropi celebra a vida e a obra do criador do personagem Jeca Tatu com uma série de eventos gratuitos

São Paulo e Taubaté receberão, de 2 a 9 de abril, mostras de filmes e mesas redondas para homenagear o cineasta e comediante Amácio Mazzaropi

O Instituto Mazzaropi, espaço em Taubaté (SP) que reúne mais de 20 mil itens sobre a vida e a obra do cineasta e comediante Amácio Mazzaropi (1912-1981), organizará, de 2 a 9 de abril, a 24ª Semana Mazzaropi, com apoio do Sesc São Paulo. Sob o tema “Mazzaropi, o Brasil e a Felicidade”, o evento, gratuito, visa a preservar a memória, o legado e a extensa lista de trabalhos desse grande ator e cineasta que imortalizou o personagem Jeca Tatu.

Realizada em São Paulo e Taubaté, a programação terá mesas redondas e, claro, mostras de filmes – O Lamparina (1964) , O Puritano da Rua Augusta (1965) e O Corintiano (1966), por exemplo, estão entre as películas que serão exibidas. Na capital paulista, o Centro de Pesquisa e Formação do Sesc e o Centro de Memória do Circo são exemplos dos espaços que vão receber atividades da Semana Mazzaropi.

Já em Taubaté, o Sesc terá eventos dessa programação especial entre os dias 7 e 9 de abril, sem contar as visitas ao próprio Museu Mazzaropi, onde um acervo interativo mostra toda a trajetória do visionário ator e cineasta por meio de figurinos, objetos cenográficos, equipamentos de filmagem, documentos e fotos. Réplicas de cenários usados em seus filmes, bem como trechos de entrevistas dadas por Mazzaropi, completam a exibição.

Sobre o Museu Mazzaropi

Com o intuito de resgatar a trajetória do emblemático Amácio Mazzaropi, o Museu Mazzaropi, em Taubaté (SP), apresenta mais de 20 mil itens que ajudam a contar a história do célebre cineasta e artista. Com entrada franca para hóspedes do Hotel Fazenda Mazzaropi, o museu abre de terça a domingo das 8h30 às 12h30.

 

www.museumazzaropi.org.br

Estrada Municipal Amácio Mazzaropi, 249 – Taubaté, São Paulo

 

O Lamparina

O Lamparina

O Puritano da Rua Augusta

O Puritano da Rua Augusta

O Corintiano

O Corintiano




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *