Polícia Federal soluciona quase 95% dos crimes que investiga

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) divulga resultado da série “Justiça Pesquisa”. O objetivo do estudo foi investigar o percurso de casos de corrupção em oito tribunais brasileiros. Concluiu pela ocorrência de prescrição em 4% dos casos, variando entre 3% e 10% entre os tribunais investigados (1º e 2º grau).
A pesquisa constatou que a Polícia Federal apresentou taxa de solução de 94,67% dos crimes que investigou, do quais 38,22% identificaram a autoria do crime e 56,45% foram concluídos pela ausência de crime.  De acordo com a pesquisa, o tempo mediano de investigação na Polícia Federal foi de 639 dias (1 ano e 9 meses).

Veja a apresentação resumida da pesquisa

CLICANDO AQUI

A pesquisa completa pode ser acessada

CLICANDO AQUI