Para se tornar Policial Militar é preciso ser concursado? Entenda

Há dois tipos de concurso: um para Soldado e outro para Oficial, com diferentes exigências; confira quais são elas

Os concursos públicos para cargos de carreira militar são alguns dos mais procurados. O que muita gente não sabe é que, para se tornar Policial Militar, sem contar com as outras ramificações da segurança pública, existem duas seleções diferentes. Ambas são concursos, porém uma para se tornar Soldado e outra, Oficial.

Para o primeiro cargo, é necessário, depois de terminar o ensino médio, passar em provas objetivas com questões de Português, Matemática e História, além de um exame psicológico e teste de aptidão física. Como o cargo é estadual, cada governo pode exigir regras diferentes para seu certame. Por isso, os candidatos devem se preparar tendo em vista o edital de cada localidade.

Como Soldado, o trabalho tem foco no patrulhamento ostensivo das ruas, na prevenção de crimes e no controle de situações de confronto, como manifestações, passeatas, tentativas de invasões de guerra, atuação agressiva de gangues, entre outras.

Na segunda opção, para ser um Oficial, é necessário passar nas avaliações que abordam as seguintes disciplinas: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Língua Portuguesa e Interpretação de Textos; Ciências Humanas e Tecnologias; Matemática; História; Geografia; Língua Inglesa ou Espanhola; Filosofia; Sociologia; Noções de Administração Pública; Noções Básicas de Informática, além do mesmo teste físico que os Soldados e avaliação psicotécnica.

As funções de um Oficial estão ligadas à fiscalização, gestão e comando dos militares que fazem policiamento ostensivo, bem como análise, aperfeiçoamento e administração dos processos relacionados às atividades jurídicas e administrativas de preservação da ordem pública.

Validação

Para ambos os casos, depois de passar no concurso público, ainda será necessário um curso de validação para começar a exercer a função do cargo conquistado. Essa validação é um treinamento que dura, em média, um ano e meio e aborda temas como práticas de uso legal de arma de fogo, criminologia, Direito Civil, Direitos Humanos, entre outros.

Requisitos para ser um Policial Militar

Além de ir bem no concurso e na validação, há alguns outros requisitos necessários para ser aceito na corporação. É preciso ter nacionalidade brasileira, ter entre 18 e 30 anos, altura mínima de 1,65 m para ambos os sexos, ser considerado apto pelo exame médico e odontológico, não fazer uso de drogas ilícitas, não ser fichado por crime doloso algum e estar em dia com as obrigações militares, caso o candidato seja homem.

Vale ainda lembrar que existem concursos para outras áreas da segurança pública, como Bombeiros, Polícia Civil, Federal e Rodoviária, que estão abertos e já foram divulgados, além do edital PCDF, da Polícia Cívil do Distrito Federal, e do certame para Polícia Federal, que oferecem cargos com diferentes funções, mas ainda assim ligados à segurança.

Foto: Divulgação

Instagram