O que é migração ERP e como pode ser realizada?

 Escolher um novo sistema de gestão de empresarial é sempre um assunto delicado, que envolve diversas dúvidas e muita pesquisa. Um ERP moderno deixa a empresa muito mais competitiva no mercado, por isso, em algumas ocasiões, pode ser necessário fazer a migração. Continue lendo nosso post e saiba mais sobre este assunto

Migração de ERP; entenda o que é

O processo de mudança de um sistema de gestão empresarial é chamado de migração de ERP.

Diferentes motivos podem impulsionar a troca do ERP que é utilizado pela empresa, entre eles, a necessidade de tecnologias mais novas, caso o sistema se torne obsoleto e falhas na operação em decorrência da complexidade da empresa. Atualmente, osistema SAP é um dos mais usados em todo o mundo. Estima-se que 77% das receitas de transações do mundo passam por um sistema SAP.

Como é feita a migração do ERP

O primeiro momento para a migração de um ERP consiste na elaboração de um mapeamento de todos os processos de migração. A listagem das etapas necessárias ajudará a organização a monitorar os processos, organizando e dividindo os esforços entre os membros da equipe. 

Depois, a empresa especializada deve analisar quais são as demandas que o novo ERP deve atender e buscar as novidades tecnológicas do mercado com dimensionamento adequado para suprir as demandas.

ERP Local e ERP na nuvem


Se você usa um ERP Local, ou seja, que é instalado na máquina, saiba que as empresas estão investindo cada vez mais em sistemas Cloud Services.

O ERP na nuvem é  seguro e prático, além de proporcionar maior escalabilidade e flexibilidade. O SAP On Cloud, que é um ERP na nuvem, possui atualizações constantes, backups e suporte completo do fornecedor,  já incluso na mensalidade.

A implementação dessa versão é muito mais rápida do que a de um ERP Local e dispensa a contratação de uma equipe de TI para suporte diário.

Escolher entre uma ERP Local e na nuvem depende muito dos objetivos traçados para a empresa. Para trabalhos home-office por exemplo, o sistema ERP na nuvem é o mais indicado, pois permite que qualquer colaborador com acesso a internet e login de acesso possa consultar o sistema fora da empresa.

No entanto, um ERP local pode ser a melhor opção se a operação da sua empresa necessitar de personalização. Para garantir a segurança das informações de sua empresa, seja em um erp local ou na nuvem, contrate uma empresa especializada para auxiliar a alcançar a transformação digital.

Imagem de Wynn Pointaux por Pixabay