Já é verão: arquiteta Karina Korn dá dicas para uma casa na praia incrível

A profissional fala sobre décor e estilo na casa de praia, além de ensinar como evitar os danos causados pela maresia

Ah, o verão! Com os feriados e festas de fim de ano, nos preparamos para descer a serra e aproveitar o sol e o mar. É época das piscinas, das áreas externas e principalmente das casas na praia. A arquiteta Karina Korn, do escritório Karina Korn Arquitetura, preparou uma lista de tópicos infalíveis para a casa na praia ideal, divididas por seu olhar do décor e de praticidade. Confira:


Foto: Celina Germer

Cheiro de mofo? Nunca mais

O maior medo de quem tem casa litorânea é deixá-la fechada na baixa temporada e, na hora de aproveitar o verão, se deparar com o cheiro de mofo. Isso é comum: a maresia das cidades praianas é inimiga da conservação dos móveis e tecidos.

A melhor alternativa é sempre ter pontos de ventilação, pensados durante a arquitetura da casa, para que ela receba luz e ar. “Na decoração, quando usarmos tecidos devemos investir naqueles com maior resistência à umidade”, aconselha Karina. Os impermeáveis são os mais indicados, embora não sejam os mais preferidos por conta da sensação de toque. Como alternativas, o couro náutico combina conforto, durabilidade e boa aparência. O material é confeccionado a partir de vinil ou PVC, com qualidade antimofo e alta resistência à água e ao sol.

 

Materiais amigos do mar

Outra boa pedida é investir em móveis com portas ripadas, permitindo a ventilação interna para preservar também o que há dentro deles. Quando forem de madeira, a dica é impermeabilizar e envernizar o material: assim as superfícies se tornam protegidas e mais fáceis para limpar.

Também vale prestar atenção nos metais escolhidos. Ferro e metal cromado são mais suscetíveis à oxidação, enferrujando facilmente com a maresia. Nos ambientes praianos, a preferência deve ser por inox e alumínio.

Para uma rotina mais prática

Ninguém quer passar os dias de férias limpando toda a casa. A escolha dos revestimentos tem um papel importante na praticidade dessa rotina! É preciso pensar, por exemplo, em pisos para área externa que não deixem tão evidente a inevitável presença de areia.“Procure por materiais menos porosos, com acabamento fosco, principalmente. Costumo especificar os porcelanatos acetinados e granitos, que também contribuem para o conforto térmico”, afirma Karina.


Foto: Celina Germer

Decorando com bossa

Depois de decididas as medidas para preservação da casa, encontramos o lado divertido de decorar: soltar a imaginação nas cores, estampas e formas dos móveis! “Sempre busco combinar o bom senso com o gosto pessoal dos moradores. Ainda assim, prezo pela arquitetura de interiores para a praia que valoriza as cores claras, mais leves e que remetam ao frescor”, comenta Karina. A paleta praiana também pode receber toques de azul, integrando os ambientes internos à paisagem.


Foto: Celina Germer

Cores da praia

Nas residências comuns, cores costumam ser aplicadas mais pontualmente. Isso acontece porque, para grandes móveis, preferimos tons neutros ou que não choquem o olhar, mantendo a decoração mais atemporal e menos cansativa. Na casa de temporada a história é diferente. Nela, é permitido ousar – é o caso do home theater projetado por Karina Korn, com um sofá ciano como peça statement, chamando a atenção. O ambiente também ganha textura e descontração com as pedras na parede.


Foto: Celina Germer

O diferente é mais legal

Em casas de veraneio, é mais que bem-vindo fugir do comum. O grafite, por exemplo, foi responsável por deixar o hall da foto descolado. A arte de rua une o perfil urbano da família, que mora em São Paulo, à carpa, representando a região praiana.


Foto: Celina Germer

À beira da piscina

Na área externa, podemos criar ambientes em torno da piscina. Com uma fileira de espreguiçadeiras e mesinhas de apoio, temos uma área ideal para tomar sol. Do outro lado do espaço, um ombrelone pode fazer sombra para outros móveis de área externa – sofás, mesa e poltronas criam um estar agradável para curtir as tardes de sol.

Apesar de precisar de tratamento e manutenção específicos, como mencionado, a madeira também combina – e muito – com casas de veraneio. Ela confere efeito rústico sofisticado, tornando a casa mais ligada ainda ao natural, além de acolhedora. Aparece tanto nos móveis, quanto nos decks à beira da piscina.

 

Sobre Karina Korn Arquitetura

O amor por arquitetura e decoração levou Karina Korn a uma jornada de 23 anos dando forma a residências, lojas, consultórios e restaurantes – tanto no Brasil, quanto internacionalmente, com projetos reconhecidos em Tel Aviv e Miami. Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, Karina também se especializou em decoração e design gráfico pela Escola Panamericana de Artes. Seu vasto portfólio conta com passagens em diversas edições da CASACOR, e mostras como a CAD Brasil, Artefacto e Favorita, além de ações sociais no Projeto Casa da Criança, contribuindo para a transformação de abrigos e creches infantis.

 

Prioriza sempre o excelente atendimento ao cliente junto à sua equipe multidisciplinar, do projeto ao acompanhamento das obras. Para ela, arquitetura e decoração são muito mais que projetar – significam realizar sonhos.

 

Karina Korn Arquitetura
Tel. (11) 98848-6858 / (11) 98849-9669
karinakorn@karinakorn.com.br
www.karinakorn.com.br

 

Gostou, Compartilhe!
Show Buttons
Hide Buttons