Ipem-SP fiscaliza botijões de gás de cozinha no Estado de SP

O Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), autarquia do Governo do Estado, vinculada à Secretaria da Justiça, e órgão delegado do Inmetro, que tem como objetivo defender o consumidor, realizou em 30 de setembro, operação denominada GLP, em depósitos de distribuição de gás de cozinha na capital e nas cidades de Araçatuba, Barueri, Bauru, Dois Córregos, Ituverava, Jandira, Santa Bárbara D’Oeste, Santo André, São Carlos, São José dos Campos, São José do Rio Preto e Sorocaba.  

Ao todo foram fiscalizados 410 botijões de GLP, popularmente conhecidos como botijões de gás de cozinha, das marcas Consigaz, Copagaz, Liquigás, Nacional Gás Butano, Supergasbrás e Ultragaz, sendo 28 (7%) reprovados.  

Gás de cozinha

As equipes fiscalizaram 25 estabelecimentos entre envasadoras e distribuidoras e encontraram erros em três (12%). 

Dentre os botijões reprovados, os fiscais detectaram a falta de -610g em 13kg de um botijão da Liquigás em São Carlos, falta de – 522g em 13kg em botijões da Copagaz em Araçatuba, e tara ilegível ou inexistente dos botijões da Consigaz em Jandira.  

Os demais erros encontrados estavam dentro do tolerado, conforme portaria Inmetro nº 225/2009.  

As equipes do Ipem-SP não encontraram indícios de fraude nos botijões fiscalizados.  

As empresas autuadas terão dez dias para apresentar defesa junto ao instituto. De acordo com a lei federal 9.933/99, as multas podem chegar a R$ 1,5 milhão. 

Conheça os locais vistoriados e todas as irregularidades. Acesse https://tinyurl.com/y5yc66bv 

Ipem-SP 

O Ipem-SP é uma autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e Cidadania do Governo do Estado de São Paulo e órgão delegado do Inmetro. Com uma equipe de fiscalização formada por especialistas e técnicos, realiza diariamente, em todo o Estado de São Paulo, operações de fiscalizações rotineiras em balanças, bombas de combustíveis, medidores de pressão arterial, taxímetros, radares, capacetes de motociclistas, preservativos, cadeiras de carro para crianças, peças de roupa, cama, mesa e banho, botijões de gás, entre outros materiais e instrumentos. É seu papel também defender o consumidor para que este leve para casa a quantidade exata de produto pela qual pagou. Quem desconfiar ou encontrar irregularidades pode recorrer ao serviço da Ouvidoria, pelo telefone 0800 013 05 22, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviar e-mail para: ouvidoria@ipem.sp.gov.br

Ipem-SP
Ipem-SP fiscaliza botijões de gás de cozinha no Estado de SP – Op GLP-Foto:Ipem-SP
Instagram