Índice de mortalidade infantil caiu pela metade em Campos do Jordão

O índice de mortalidade infantil caiu pela metade nos últimos cinco anos em Campos do Jordão. Para efeito de comparação, em 2012 a média no Estado de São Paulo era de 11,5 mortes a cada mil crianças nascidas vivas com até 1 ano, segundo a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados de São Paulo (SEADE). Em Campos o número era de 16,5 mortes por mil, mas em 2017 baixou para 7,82. O resultado é fruto de um trabalho iniciado em 2013 que intensificou o cuidado com as gestantes. O numero de atendimento a gestantes foi de 1.480 em 2012 para 2.643 em 2017. O que resultou na redução da mortalidade materna. Desde 2014 a morte de mulheres gravidas é zero em Campos do Jordão. Em 2014, houve uma mudança no protocolo de pré-natal na Atenção Básica. As gestantes da cidade passaram a ter no mínimo 7 consultas durante a gestação, pelo menos 24 exames pré-natais além de acompanhamento odontológico, social, psicológico e nutricional. Em janeiro de 2016, a prefeitura inaugurou o novo Complexo de Saúde onde foi instalado o Centro de Atenção à Mulher. As gestantes passaram a participar de grupos educativos e ter acompanhamento em caso de gestação de risco.

Foto: Assessoria de Comunicação/ Prefeitura de Campos do Jordão
Gostou, Compartilhe!
Show Buttons
Hide Buttons