Halysson Ferreira e Jaqueline Mourão são os campeões da Maratona de Congonhas

Monumentos históricos e muita poeira, esse foi o cenário da prova de Maratona da CIMTB Michelin, neste sábado, 17, em Congonhas – MG. Após pedalar 60 km em um terreno com 1.572 m de subida acumulada, quem levou a melhor foi o atleta Halysson Henrique Ferreira (Tropix Factory Race). Kennedi Sampaio De Oliveira (Squadra Oggi) e Edson Gilmar de Rezende Júnior (Caloi Avancini Team) ficaram em 2º e 3º, respectivamente. O competidor Rubens Valeriano (Sense Factory Facing) ficou em 4º lugar. No feminino, Jaqueline Mourão (Sense Factory Racing) foi a vencedora, com Letícia Cândido (Corinthians Audax) em segundo e Viviane Favery Costa (Cannondale Brasil Racing) em terceiro.

Para o campeão, vencer uma prova com alto nível de dificuldade e resistência foi a realização de um sonho. “Essa etapa é muito dura e relativamente curta então o ritmo é muito intenso, vencer aqui é um sonho desde que eu corria nas categorias de base. Esse ano eu consegui, não está sendo um ano fácil para mim e essa vitória renova minhas energias e lava minha alma”, ressaltou.

Com menos de 20 segundos de diferença, o vice-campeão melhorou sua própria colocação em relação a provas anteriores. “Fiz uma prova com o ritmo intenso e em todo o momento estive consciente e consegui me encaixar, já completei essa prova três vezes chegando em quarto lugar e hoje subi para a segunda colocação, estou muito satisfeito”, afirmou Kennedi Sampaio De Oliveira.

Em uma chegada emocionante, Jaqueline Mourão que liderou o pelotão durante a maior parte da prova, consagrou-se campeã da maratona e da temporada 2019. “Estou sem palavras, muito feliz em ter voltada para o mountain bike, e mais feliz ainda em ser acolhida pela minha equipe incrível”, comentou.

Letícia Cândido que estava lutando pelo campeonato ao lado de Jaqueline Cândido, com o resultado foi a vice-campeã. “Realmente essa prova, junto com o Desafio da Ladeira que acontece um dia antes, são as mais duras, acho que chegar aqui após uma semana puxada como esta é muito bom, estou muito feliz com meu resultado e agora é me preparar para o mundial”, disse.


Campeões Gerais

Com os resultados do dia, Jaqueline Mourão conquistou a temporada 2019, a mountain biker mineira que foi a primeira colocada no Short Track e XCO em Congonhas, ficou no Top3 da etapa de Araxá e repetiu o terceiro lugar em Ouro Preto, agora colhe os frutos da ótima fase. “Todos os desafios que enfrentei me trouxeram aqui hoje, não poderia ser melhor”, afirmou.

Mais uma conquista no currículo de Henrique Avancini. Atual 3º no ranking mundial, o atleta garantiu a temporada por antecipação e somou três vitórias gerais na CIMTB Michelin. Segurou o lugar mais alto do pódio no XCC e XCO em Petrópolis e o primeiro lugar geral em Araxá etapa em que somou mais pontos. Diante dos resultados deste sábado, ele garantiu a vitória.

Nas redes sociais Avancini comentou a vitória. “Esse ano não pude participar dessa etapa que é tão tradicional e que já faz parte do calendário brasileiro porque estou na Itália fazendo um treinamento para o Mundial daqui a duas semanas. Fiquei muito feliz, apesar de não estar presente, de ter conquistado mais um título da Copa Internacional com a combinação de resultados das outras etapas, é uma etapa dura e muito competitiva com atletas de alto nível e fiquei muito feliz de mais uma vez registrar meu nome como campeão”, concluiu.


Outras categorias CIMTB Michelin

Além da Super Elite Masculina e Feminina, largaram também as outras categorias CIMTB Michelin, na categoria Sub30, o atleta Ygor do Nascimento Castro foi campeão geral, na  Sub35 quem levou a melhor foi o atleta Danillo Henrique Silva (Clinica Do Pedal Audax Team), na Sub40, Claudio Levi Campolina Altivo. Na categoria Sub45 o campeão geral foi Leandro Andre Rambo (Smel Foz), na Sub50 o atleta Joao Erildo Silva (Socabota) chegou em primeiro, na categoria Sub55, o campeão foi Claudio Roberto Alves de Souza (Extralight Bicycles / Smetult) e na categoria Sub60, quem chegou em primeiro foi o atleta Marcelo Simas Weinem (Petrópolis Bike & Parts). Já nas categorias ULTRA e DUPLA PRÓ, os campeões foram Daniel Filgueiras Mendes (Centralbike/Farmaciavivaz) e Wesley Alves da Silva (Bra Ciclo), respectivamente. Confira os resultados completos.


Michelin

A Michelin, líder do segmento de pneus, se dedica ao desenvolvimento da mobilidade de seus clientes, de forma sustentável, criando e distribuindo os pneus, serviços e soluções mais adequados às suas necessidades; fornecendo serviços digitais, mapas e guias, para ajudá-los tonar suas viagens experiências únicas; e desenvolvendo materiais de alta tecnologia, que atendem à indústria da mobilidade. Sediada em Clermont-Ferrand (França), a Michelin está presente em 170 países, emprega 114.100 pessoas em todo o mundo e dispõe de 70 centros de produção implantados em 17 países diferentes que fabricaram 190 milhões de pneus em 2017.


Sense Bike

Parte da Lagoa Participações, a Sense Bike foi criada em 2009, com o sonho de construir uma marca de bicicletas feita por apaixonados para apaixonados, com padrão internacional, foco em desenvolvimento e indústria de ponta. Com o objetivo inicial de atender às demandas voltadas para a mobilidade urbana, tornou-se referência no mercado no desenvolvimento de bicicletas elétricas. Em 2014, foi inaugurada a fábrica em Manaus, que possibilitou o início da produção de quadros, bem como a montagem de bicicletas elétricas e convencionais (mountain bike, urbana e road), com o que existe de mais inovador em tecnologia. Em abril de 2018, a Sense Bike comprou a Swift Carbon Global, importante fabricante mundial de bikes em fibra de carbono, com operação industrial na cidade do Porto (Portugal). A marca também é patrocinadora de uma das equipes mais importantes do MTB nacional – a Sense Factory Racing, que já conquistou grandes títulos em competições nacionais e internacionais.


Congonhas

Reconhecida como Patrimônio Mundial pela UNESCO, Congonhas é uma das mais tradicionais cidades mineiras e um dos polos de formação cultural de Minas Gerais. Seu complexo mais famoso é o Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, considerado a maior referência do acervo de Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho.
Localizada a 78 km de Belo Horizonte, a Cidade dos Profetas também possui um valioso circuito de igrejas coloniais e um rico patrimônio ambiental, com o Parque Ecológico da Cachoeira. Além disso, se destaca pelo primeiro museu de sítio do Brasil, o Museu de Congonhas.


CIMTB Michelin 2019

A CIMTB Michelin conta pontos para o ranking mundial, da União Ciclística Internacional (UCI), fazendo parte do ciclo Olímpico Tóquio 2020, ranking Brasileiro e estaduais.
Copa Internacional de Mountain Bike comemora a 24ª Edição em 2019. O evento tem patrocínio da Michelin, o pneu oficial da competição, e Co-Patrocinio da Sense Bike.

Fotos Alemão Silva