Escritora conversa com alunos durante Sarau da Fundhas

Cerca de 170 alunos da Fundhas participaram de um sarau literário nesta sexta-feira (14), na sede da instituição, no Parque Industrial. O encontro cultural foi realizado em dois períodos, com a presença da escritora Christina Hernandes, que ocupa a cadeira 7 da Academia Joseense de Letras, cujo patrono é Monteiro Lobato.

A atividade é realizada periodicamente como parte do eixo pedagógico da Fundhas, que tem como objetivo estimular a leitura e incentivar produções literárias entre as crianças e adolescentes atendidos. O auditório estava decorado de forma aconchegante para receber os alunos num dia chuvoso e frio. Juntos, todos se aqueceram com as rimas e os poemas recitados por colegas e com as histórias da autora.

Christina destacou a importância do evento. “Momentos como este sarau são importantes e de aprendizado para mim. Busco instigar a imaginação e criatividade dos adolescentes e das crianças enquanto conto histórias, mas sempre aprendo mais com eles. Tudo que ouço e recebo deles levo para minha vida.”

O encontro foi preparado por professores e alunos após pesquisas na biblioteca e leitura de obras da autora, além de produções escritas na sala de aula. A autora encerrou o sarau com um conto infantil em que os personagens, bonecos de pelúcia e brinquedos, saíam do baú de histórias.

Ao lado de duas coleguinhas de sala, Gabriela dos Santos Silva, de 8 anos, recitou o poema As Borboletas, de Vinicius de Moraes. “Amo poesia. Adorei ler o poema e ouvir a história que a escritora nos contou. Leio bastante livros e gosto tanto que é difícil escolher um só personagem como favorito, mas acho que é o Visconde.”

“Quanto mais cedo se pratica a escuta e a leitura, melhor”, ressalta Christina. “Me surpreendi com a escuta atenciosa dos alunos aqui, hoje. Isso se dá porque a Fundhas está fazendo um trabalho e criando ambiente de cultura e leitura para eles, e é assim que deve ser feito. Um trabalho de incentivo.”

Formada em serviço social, Christina Hernandes é escritora e palestrante. Escreve para o público infantojuvenil e publicou 21 obras para esse público, sendo 7 em braille e 1 deles também em áudio. Participou de 24 livros coletivos, sendo 4 deles lançados em Montevideo Uruguai) e 2 em Paris (França).

Com foco no estímulo à leitura, o evento literário teve declamação de poemas pelas crianças – Foto: PMSJC
Gostou, Compartilhe!
Show Buttons
Hide Buttons