Dani Mattos leva Heitor Villa-Lobos para crianças e educadores em Campinas

A música do maestro e compositor Heitor Villa-Lobos (1887-1959) vem tomando conta de salas de aula e centros culturais em diversos estados brasileiros. A cantora, pesquisadora e regente Dani Mattos leva para professores e estudantes da rede pública de ensino a oficina“Villa Lobos Para Todos”.

A oficina faz parte de um projeto  desenvolvido pela  regente intitulado   “Villa-Lobos para Todos” e  baseado no “Guia Prático” do autor, no qual ele cria arranjos simples para o cancioneiro infantil brasileiro.

 “A proposta deste projeto é relembrar e/ou fazer conhecer as canções folclóricas brasileiras infantis. Através dos arranjos maravilhosos e simples de Villa-Lobos,  a oficina propõe um momento de união e aprendizado em torno desta preciosa herança de nossa cultura”, explica a regente e pesquisadora Dani Mattos.

Cada  oficina  tem duração de três horas, sendo duas horas dedicadas ao trabalho  com os educadores e uma  hora com os estudantes.

Durante as oficinas, os educadores recebem  um material de apoio. Um guia com  um resumo de atividades interdisciplinares que  a regente organizou  em seus vinte anos de experiência. Essas atividades podem ser  multiplicadas pelos profissionais de ensino.

A oficina propõe diversas maneiras de vivenciar a música e seus elementos de maneira lúdica, divertida, sempre em grupo. O repertório trabalhado será de músicas infantis brasileiras, pesquisado e arranjado por Villa-Lobos. O trabalho foi viabilizado com recursos da Lei  Rouanet, e tem o apoio cultural do Grupo Saga, Klabin S.A. e Transire Eletrônicos.

Inscrições abertas: 

A oficina de musicalização  “Villa-Lobos para Todos”  destinada a educadores infantis e infantojuvenis  acontece no  dia 17 de maio, das 13h30 às 16h30, na  Biblioteca Ernesto Manoel Zink, no Centro de Campinas.  São 60 vagas e as inscrições gratuitas podem ser realizadas até o dia 14 de maio no site: https://portalcultura.campinas.sp.gov.br/2019-oficina-musicalizacao-villa-lobos-todos

 Além dos educadores, a oficina terá participação das crianças da Escola Pão dos Pobres de Santo Antônio. A Biblioteca Ernesto Manoel Zink está localizada à Av. Benjamin Constant, 1.633, Centro, Campinas.

Oficina propõe diversas maneiras de vivenciar a música de maneira lúdica. Foto divulgação

Sobre Dani Mattos:

Dani Mattos nasceu e cresceu na cidade de São Paulo. Atuou como regente em Ilhabela de 1999 a 2003. É  formada em regência e Educação Artística pela Faculdade de Música Santa Helena, estudou na Escola Municipal de Música, no Conservatório Musical Brooklin Paulista e na escola experimental do SESC. Fez cursos complementares de regência com Marcos Leite e Roberto Gnatalli, em Londrina (PR).

Ainda em Ilhabela, realizou trabalho de pesquisa da cultura caiçara, supervisionado pela folclorista Iracema França. Com o Coral São João, criou apresentações interativas e didáticas em escolas da rede pública, trabalhando os elementos musicais com os alunos e professores. Assim, desenvolveu o Projeto “Villa-Lobos para crianças”, baseado no “Guia Prático” do autor, no qual ele cria arranjos simples para o cancioneiro infantil brasileiro. Além do  grupo vocal Poucas & Boas, a cantora e regente Dani Mattos formou o grupo “Toque de Bambas” e Dani Mattos Quartet. Lançou em 2019 seu primeiro EP Cronistas da Cidade, pelo selo 7 Melódica.

Oficina: “Villa-Lobos para Todos”

Data: 17/05/2019 (sexta-feira), das 13h30 às 16h30

Local: Biblioteca Ernesto Manoel Zink

Endereço: Av. Benjamim Constant, 1633, Centro – Campinas

Inscrição até  14/05/2019 : https://portalcultura.campinas.sp.gov.br/2019-oficina-musicalizacao-villa-lobos-todos

Gratuito

Público alvo: educadores infantis e infantojuvenis

Vagas: 60

Projeto Villa Lobos para Todos: http://villa-lobosparatodos.com.br/

Dani Mattos: http://danimattos.com.br/projetos/

Instagram: @danimmattos e @7melodica

Informações Oficina Heitor Villa Lobos: danimattosproducoes@gmail.com

Oficina conta com exercícios de musicalização pesquisados pela regente ao longo dos seus vinte anos de atuação frente a grupos vocais. Foto divulgação.