Cunha realiza 3ª edição do festival Verão na Montanha – Cunha Fest

Apresentações na Praça da Matriz vão levar ao público muito som de jazz e blues

Subir a serra para curtir o clima e a natureza é uma boa opção de passeio também no verão, que fica ainda melhor com boa música. Isso é o que a Estância Climática de Cunha vai oferecer aos seus visitantes de 17 a 19 e de 24 a 26 de janeiro, durante a 3ª edição do Verão na Montanha – Cunha Fest, festival de jazz e blues.

Os shows gratuitos de variados ritmos, que além do jazz e do blues levam o público a energia do soul, do rock, do pop e da música brasileira, ocorrem no palco principal, montado ao lado da Igreja da Matriz, com apresentações esporádicas de banda no estilo Nova Orleans .

Na diversificada programação deste ano, o festival contará com os shows de Simoninha, Tony Gordon, Léo Maia, Ultra Soul, Trouble Doll, Robson Nunes, Rock Collection, Julia Ferreira, Folk it All e Orleans Street Jazz Band.

Com muita música de qualidade, o festival é uma realização da Secretaria de Turismo e Cultura de Cunha e produção e concepção da Lucas Shows. Os objetivosdos organizadores com o evento é movimentar a cidade fora da temporada de inverno; promover encontros inusitados de músicos de diversos estilos; e proporcionar diferentes experiências dentro e fora do palco, reunindo público e artistas.

Com esses propósitos, as atrações musicais foram cuidadosamente pensadas e escolhidas por Herbert Lucas, diretor da Lucas Shows, e são resultado de muita pesquisa, experiência e afinidades artísticas. Desse modo, a terceira edição do Verão na Montanha – Cunha Fest terá shows criativos e inovadores, bem diferente das apresentações habituais dos artistas convidados.

Sobre os artistas

Simoninha

Simoninha


Músico, intérprete, compositor, produtor e diretor musical, Wilson Simoninha tem uma trajetória de sucesso com turnês internacionais aos Estados Unidos, Europa e Ásia. Em 2018, com seu irmão Max de Castro ganhou um Kikito, no Festival de Gramado, por melhor trilha sonora para o filme Simonal, que conta a história do seu pai e de sua família. No ano passado, lançou a turnê Novo Baile do Simonal, no Tom Brasil, em São Paulo; participou do Rock in Rio; e se prepara para lançar, em 2020, um novo álbum, depois de t er feito alguns singles nas plataformas digitais.

Tony Gordon


Vencedor do The Voice BrasilTony Gordon é considerado um master crooner do soul. Com mais de 30 anos de carreira e aclamado em casas do Brasil e do mundo, o cantor reuniu um repertório de músicas consagradas do blues, soul e jazz, para criar arranjos ao seu estilo.

Léo Maia-Foto:Daniel Valenti

Léo Maia


Filho de Tim Maia, o Rei da Soul Music, Léo Maia herdou do pai a voz e presença de palco. Com seis álbuns na discografia, suas músicas fizeram parte de diversas trilhas sonoras de novelas. Seus shows já percorreram diversas cidades do Brasil e, em 2019 se prepara para uma turnê na Europa.

Ultra Soul


A banda tem o intuito de resgatar a música negra americana, como a soul music, o funk e o r&b dos anos de 1970 e 1980. Assim, está estruturada com três vocais, que se revezam entre si e levam belíssimas interpretações para o público de festivais, teatros e casas noturnas de todo o Brasil.

Trouble Doll


O electro swing da banda mistura o clássico e o moderno, combinando estilos e experimentando o novocom arranjos criativos. Com esse estilo, músicas antigas recebem uma roupagem totalmente moderna e músicas atuais ganham ares vintage, trazendo para o show sua própria identidade. A Trouble Doll tem influências que vão de Elvis Presley a Caravan Palace e de Ella Fitzgerald a Bruno Mars. 

Robson Nunes


Ator com passagens por novelas da Rede Globo e apresentador no canal Disney, Robson Nunes interpretou o jovem Tim Maia no especial Por Toda Minha Vida. Também fundou o espetáculo de stand-up e personagens “3tosteterona”m ao lado do humorista Luiz França, em cartaz desde 2005. Sua versatilidade como artista o levou a participar, em 2019, do Popstar, na Rede Globo.

Rock Collection


A banda reproduz gravações originais com criatividade, musicalidade e swing, mas sempre respeitando a essência das músicas nas interpretações. Com oito anos de atuação, conquista o público por onde passa por conta do alto nível dos músicos em cada instrumento e da qualidade musical.

Julia Ferreira


Desde 2017, junto do produtor Oscar Gonzalez, a cantora leva para os palcos o projeto Homenagem aos 60 Anos da Bossa Nova. Com apenas 22 anos e formação em piano e artes cênicas, em 2019 lançou quatro álbuns simultaneamente, nos quais traz suas interpretações de 60 das maiores obras da bossa nova.

Folk It All


Com a união de guitarras, acústico do violão e quatro vozes em arranjos trabalhados, a banda apresenta grandes clássicos da música internacional. É sucesso por onde passa, ao apresentar versões com o som intenso do blues, rock, folk/country. Entre as interpretações que embalam o público estão sucessos de Elvis Presley, Queen, James Taylor e Simon & Garfunkel.

Orleans Street Jazz Band


Inspirada nos músicos de rua de Nova Orleans, nos Estados Unidos, a banda tem como diferencial a interação com o público. Além disso, embala e envolve as pessoas com o bom entrosamento dos instrumentos, como sax, trompete e trombone, banjo, sousafone e washboard. No repertório, uma mistura surpreendente de clássicos do jazz com um toque brasileiro.

Programação Verão na Montanha – Cunha Fest

Sexta-feira – 17/1
22 horas – Trouble Doll & Robson Nunes

Sábado – 18/1
16 horas – Julia Ferreira
20 horas – Julia Ferreira
23horas – Tony Gordon

Domingo – 19/1
16 horas – Julia Ferreira
20 horas – Julia Ferreira
21h30 – Rock Collection

Sexta-feira – 24/1
22 horas – Ultra Soul convida Léo Maia

Sábado – 25/1
16 horas – Orleans Street Jazz Band
20 horas – Orleans Street Jazz Band
23 horas – Simoninha

Domingo – 26/1
16 horas – Orleans Street Jazz Band
20 horas – Orleans Street Jazz Band
21h30 – Folk it All

Para mais informações acesse: http://www.cunha.sp.gov.br/
Facebook: https://web.facebook.com/secretariadeturismodecunha/
Instagram: @turismocunha