Cuidados com a pele da região dos olhos: tudo que você precisa saber

O globo ocular é uma das regiões mais sensíveis do corpo, tendo a pele mais fina de toda a nossa composição epidermal

Os cuidados com nossa pele devem ser parte de nossa rotina integral. Seja por meio da aplicação de produtos, da prática de exercícios, da manutenção de um sono regular ou da alimentação, todas as nossas decisões afetam a saúde de nosso corpo físico e, em especial, nossa pele, na qual os sinais de saúde ou doença podem aparecer primeiro.

No que diz respeito à aplicação de produtos, algumas partes de nosso corpo necessitam de cosméticos específicos. Isso pode ocorrer tanto pela sensibilidade excessiva, quanto pelas características individuais do tecido que compõe uma determinada região.

Um exemplo do primeiro fator é a área dos olhos. Como a pele do olho é extremamente fina, esse órgão também é muito delicado. Da mesma forma, a região ao redor dos olhos é composta por diversas terminações nervosas que nos auxiliam tanto a expressar reações, quanto proteger os olhos durante o sono, por exemplo.


Por isso, os olhos são uma região que envelhecem mais rápido que muitas outras partes do corpo. Não é raro encontrarmos, por exemplo, pessoas muito jovens que já tenham pequenas rugas ali. Por causa disso, essa também é uma parte do corpo em que os indivíduos começam a aplicar cosméticos mais cedo, o que exige alguns cuidados.

Aplicação

É importante começar dizendo que a aplicação de cosméticos é apenas uma das formas de cuidar da saúde da pele dessa região, mas, mesmo assim, a sua execução inadequada pode trazer mais problemas que soluções.

O primeiro passo é entender que, por ser mais fina, a pele das pálpebras absorve os produtos aplicados de maneira diferente que o restante do corpo, com adesão mais rápida. Por isso, a quantidade utilizada de produto deve ser menor quando comparada com outras regiões.

Entendido isso, certifique-se fazer a aplicação com movimentos circulares de massagem, nunca pressionando demais os seus dedos contra os olhos, o que pode te machucar. É importante que essa massagem seja feita de dentro para fora, retirando o creme da região dos cílios e levando-o para o contorno da cavidade ocular do crânio.

Esse tipo de movimento contribui para o rejuvenescimento da pele dessa região e evita que alguma quantidade do produto que está sendo aplicado atinja, acidentalmente, o olho em si.

Olheiras

Em algumas situações, o aparecimento de olheiras pode estar associado a alguma doença, sendo um sintoma. Nesses casos, é essencial que um médico seja consultado. No entanto, na maioria dos casos, as olheiras são eventos que acontecem devido a fatores externos, alheios à saúde do corpo.

Noites mal dormidas e até insônia são as causas líderes de seu surgimento. Coceira, exaustão mental e exposição ao Sol sem proteção devida aparecem em seguida como causa desse aspecto indesejado.

Dormir de maquiagem também pode ocasionar o aparecimento de olheiras, porque impede a pele de respirar durante o sono, o que causa irritação na região. Apesar de muitos saberem disso, ainda há negligência com a saúde diária da pele dessa região.

O ideal é que a aplicação da maquiagem seja uma atividade criativa, e não corretiva. Cuidado bem de sua pele, você diminuirá, inclusive, a quantidade que considera necessária de utilização desse tipo de produto.

A ingestão da quantidade correta de água, bem como a prática de exercícios físicos e noites de sono bem dormidas são os primeiros fatores a serem considerados para a manutenção da saúde da pele dos olhos.

Da mesma maneira, cremes e demais cosméticos são apenas aliados. As melhores medidas de prevenção são aquelas que se relacionam com a saúde como um todo.

Instagram