Corrida de verificação de protocolos é aprovada por organizadores, autoridades e atletas

A primeira corrida de rua em São Paulo em mais de sete meses foi um sucesso! Com aprovação dos organizadores, autoridades e atletas, a prova de verificação de protocolos, realizada na manhã deste domingo (25), no Sambódromo do Anhembi, apresentou ao público um novo formato de corridas de rua. Seguindo todos os critérios estabelecidos previamente, a Associação Brasileira de Corridas de Rua e Esportes Outdoor (ABRACEO), em parceria com as organizadoras TF Sports; Beta Sports; Chelso Sports e Business e Iguana sports, deu um importante passo para que os eventos retornem ainda em 2020 na capital paulista. 

Corrida de verificação de protocolos

A corrida de verificação de protocolos foi acompanhada de perto por autoridades da Prefeitura de São Paulo, bem como pela Vigilância de Saúde e COVISA. “Esse evento só aconteceu pela forma colaborativa como foi realizado, contando com a participação efetiva de vários organizadores do Brasil através da ABRACEO, por empresas e fornecedores que nos apoiaram e trabalharam voluntariamente, pelo apoio que recebemos da ATC e também de outros organizadores, como a Yescom, além do apoio da Federação Paulista de Atletismo e também pela parceria estabelecida com o poder publico através da equipe do Prefeito Bruno Covas, do Presidente da Câmara, o vereador Eduardo Tuma, e do Diretor da Spturis, Thiago Lobo, que nos deram as diretrizes e contribuíram conosco para esta retomada“, avalia Paulo Carelli, presidente da ABRACEO.

Foto: George Gargiulo/ 360+

A prova:

Logo na chegada os atletas perceberam uma movimentação diferente. Para acessar a arena de prova era preciso passar por um controle de acesso com medição de temperatura ainda dentro do carro. Após acessarem a área de prova, os atletas usaram máscara durante todo tempo, além de terem álcool gel e locais demarcados, tanto para usar guarda-volumes quanto para o portão de largada. 

Divididos em baias, os atletas foram separados em pelotões com 30 pessoas. Essa divisão ocorreu de acordo com o ritmo indicado por cada corredor e ao acessar o espaço os atletas posicionavam-se ao lado de cones esperando sua vez para largar. Foram cinco largadas, com intervalo de 30 segundos, dando a distância necessária para que todos pudessem sair com segurança.

No percurso, a hidratação foi disposta de maneira diferente, com os copos d´água higienizados em cima das mesas ao invés de estarem dentro das bacias com gelo. Cada atleta pegava a sua hidratação, sem contato com staffs. Ao final do percurso de 5 quilômetros, os corredores receberam as medalhas, também higienizadas, dentro de um saco plástico. 

Foto: George Gargiulo/ 360+

Atletas aprovam o novo formato:

Segundo Paulo Carelli, a postura dos atletas foi fundamental para o sucesso do evento. Era visível a ansiedade dos participantes antes mesmo da largada e no decorrer da prova, mas durante todo tempo os corredores respeitaram os protocolos e provaram que é possível a retomada das corridas de rua de maneira gradual. 

Os atletas estão de parabéns. Foi uma corrida que testou muita coisa, não só a nossa organização, mas também a resposta dos atletas para esse novo formato. Temos alguns pontos para melhorar. O Covisa fez pequenos apontamentos técnicos, mas que serão facilmente ajustados e não causarão maiores impactos no prosseguimento das atividades“, encerra Paulo Carelli.

Participaram da corrida de verificação de protocolos cerca de 140 convidados, entre eles o treinador Ademir Paulino. “Foi muito bom. Me senti seguro. Vim com a cabeça de avaliar os protocolos praticados no evento para passar para os meus alunos e pessoas do meu convívio um feedback. Acredito que nós conseguiríamos colocar até mais pessoas mantendo a segurança da forma como foi realizado. Os organizadores e a ABRACEO estão de parabéns“, ressalta.

Resultados:

Ao final dos cinco quilômetros, os três primeiros colocados de cada categoria foram premiados. Natalia Regina Painelli foi a campeã Feminina com o tempo de 19:15, seguida por Conceição Carvalho Oliveira (2ª – 19:50) e Andressa Lopes Sampaio (3ª – 21:07). Na categoria Masculino o campeão foi Jucimario de Melo Silva, com o tempo de 16:20, enquanto Kaue Domingues (2º – 16:29) e Rodrigo Jose de Meneses (3º – 17:12), vieram atrás completando o pódio. 

Foto: George Gargiulo/ 360+
Instagram