Conheça os eventos e festas típicas que movimentam o interior paulista durante todo o ano

12 meses e 12 cidades para curtir o interior do estado

Muitas cidades interioranas são palcos de eventos incríveis e locais de ótimas atrações não tão conhecidas pelo grande público. O famoso Festival de Inverno de Campos do Jordão, por exemplo, é incrível, mas não é só ele que proporciona tanto entretenimento e cultura. O estado de São Paulo tem festa o ano todo!

Confira nossa lista com atrações por todo o estado e com muitos destinos que estão na trilha de muitas empresas rodoviárias de toda a região Sudeste, como a Viação Lirabus.

Valinhos

O ano começa agitado em Valinhos. A cidade, que fica a apenas 84 km da capital, recebe no mês de janeiro a tradicional Festa do Figo e a Expogoiaba. A grande maioria dos produtos são de produção local. Além das comidas, com destaque para as frutas, tem música, leilões, passeios e mais de 100 outras atrações!

Jundiaí

Entre janeiro e fevereiro, desde 1934, acontece a tradicional Festa da Uva em Jundiaí. Reconhecida por muitos como a maior da categoria no estado de São Paulo, a festa não só não foi realizada durantes os anos da Segunda Guerra Mundial.

Uma das atrações mais divertidas é o Pisa da Uva, onde todos são convidados a dançar nas tinas sobre a uva, uma antiga tradição da produção de vinho. O evento ainda reúne espaço infantil, exposição de artesanato, mostra de antiguidade e, é claro, muita uva e vinho para celebrar o espírito agrícola do município.

Vinhedo

Outra grande e tradicional festa do estado que celebra as produções vinícolas é a Festa da Uva e do Vinho em Vinhedo. A festa acontece todo ano no mês de fevereiro e atrai, aproximadamente, 400 mil visitantes durante todo o evento.

O destaque especial fica para a Parada Italiana e o Carnaval de Veneza, atrações itinerantes que celebram as cores e as tradições da imigração italiana com muita criatividade e arte.

São Luiz do Paraitinga

O Carnaval prolongado de São Luiz de Paraitinga é ideal para quem procura um evento de rua tradicional com marchinhas e fanfarras. Fortemente influenciado pela cultura local, é uma viagem gostosa no tempo.

O Carnaval do Brasil acontece entre fevereiro e março, mas, independentemente da data oficial, em São Luiz do Paraitinga, a folia começa em janeiro com o Festival de Marchinhas. Já em março, sempre depois do Carnaval, é a vez dos blocos de rua dominarem o município.

Monte Mor

Uma churrasqueira de 60 metros de comprimento atrai, aproximadamente, 8 mil pessoas todos os anos. É no mês de abril que acontece a Festa da Costela em Monte Mor. Aproximadamente 4 mil quilos de costela são assados em cada edição. De causa nobre, a festa beneficente angaria fundos para entidades da região.

Elias Fausto

A Festa do Trabalhador de Elias Fausto começou a ser realizada há poucos anos, mas já é orgulho dos moradores e a alegria dos visitantes. Acontece no finalzinho de abril, vai até o início de maio e a extensa programação gratuita atrai cada vez mais o público.

Itapetininga

A celebração da florada da cerejeira é um costume milenar na cultura japonesa, em referência à jornada da vida dos samurais. Entre junho e julho, todos os anos, a cidade de Itapetininga celebra a tradição.

Gerações de imigrantes, os outros moradores e os visitantes apreciam a beleza das flores acompanhados de muita comida típica do país celebrado. Diversão e diversidade na certa!

Capivari

Festa do Peão de Capivari, ou simplesmente FEPEC, acontece anualmente no mês de julho e é organizada pelo Clube dos Cavaleiros. A festa dura, geralmente, quatro dias e tem intensa programação de shows. É um evento aguardado por todos da região!

Vale a pena lembrar que Capivari fica apenas a 135 km da capital, é uma aposta para quem quer se divertir e ver gente nova!

Campinas

O Festival Gastronômico de Campinas acontece entre julho e agosto e tem personalidade própria. Todos os anos, um tema é escolhido e os chefs dos restaurantes participantes elaboram seus pratos a partir desse conceito. São mais de 50 restaurantes participantes! Dá água na boca só de pensar!

Louveira

Nessa tão influente cidade, todos os anos no mês de setembro, a Festa das Tradições Nordestinas celebra a cultura. Um elemento tradicional da festa é a casa de taipa, construída de barro e madeira. Tem acarajé, sarapatel, baião de dois, buchada de bode e muita música para arrastar o pé! Imperdível!

Atibaia

Do início de outubro ao final de novembro, acontece o Festival de Comida de Boteco de Atibaia, são quase dois meses de celebração gastronômica! O público pode avaliar os pratos que degusta com notas 0 a 5 em relação ao sabor, apresentação e atendimento.

Vale lembrar que é política do evento que todas as refeições do evento tenham o mesmo valor. Democrático, acessível e divertido! Vale a pena!

Jarinu

Para fechar o ano com chave de ouro, a Festa da Ameixa de Jarinu acontece sempre no início de dezembro. Aproximadamente 80 mil visitantes comparecem ao evento anualmente para apreciar os passeios e a exposição de frutas no município.