Casais jovens comprando casas de container

Como casais jovens aproveitam para driblar o preço do imóvel tradicional

Jovens Casais economizam dinheiro com casas de container

Os casais da geração do milênio precisam lidar com muitos desafios, alguns dos quais são idênticos às chances enfrentadas pelas gerações anteriores e alguns são bastante contemporâneos com os quais os baby boomers e as gerações subsequentes não estão familiarizados. Casais do milênio estão economizando dinheiro e estão começando a tomar emprestado menos que as gerações anteriores. A geração do milênio se tornou cada vez mais consciente.

Casais estão evitando hipotecas pesadas para comprar casas muito caras. Economizam dinheiro gastando menos com os custos gerais do dia-a-dia, não despendem dinheiro para comprar coisas de que não precisam ou o que pode não ter muito valor no decorrer do tempo.

A geração do milênio também é atraída por novas experiências e têm uma propensão ao autodesenvolvimento, ou seja, não gastam em bens ou coisas que inevitavelmente perdem utilidade, valor, e, portanto, significância ou relevância ao longo do tempo.

Mais de quarenta e quatro milhões de americanos estão endividados com empréstimos estudantis, que tem uma dívida média em torno de trinta e três mil dólares. Casais do milênio na faixa etária de vinte e cinco a trinta e quatro anos têm em média mais de quarenta e dois mil dólares em dívidas. Dívida de cartão de crédito tem um grande pedaço disso.

Adicione o autofinanciamento através da poupança em programas de aposentadoria e aumento dos preços das casas para empréstimos estudantis e dívidas de cartão de crédito. Assim, chegamos a difícil tarefa de gerenciar as finanças de uma forma que possa garantir o futuro ou preparar o caminho para a liberdade financeira.

Um americano médio tem quase quarenta mil dólares em dívidas. Isso vem aumentando nos últimos anos. De agora em diante, é apenas apropriado que casais milenares estejam economizando dinheiro fazendo algumas escolhas racionais.

Vamos considerar as diferenças fundamentais entre comprar uma casa e alugar.

Muitos casais milenares não têm o dinheiro necessário para uma boa entrada. Se conseguirem poupar alguns fundos, pode ficar aquém da quantia necessária para manter o valor do empréstimo e consequentemente, manter a hipoteca sob controle. A parcela mensal pode ser pesada com um pagamento mínimo. É aí que muitas pessoas acabam se comprometendo com uma hipoteca que chega ao limite de suas possibilidades. Historicamente, nesses tempos modernos, as pessoas têm sido incapazes de economizar muito dinheiro por causa de compromissos financeiros mensais ou rotineiros, financiamentos e hipotecas que são sempre a grande parte considerável.

Uma casa tem ganho de capital a longo prazo. Isso é um ativo.

O aluguel não tem nenhum ganho de capital. No entanto, comprar e financiar uma nova casa é muito caro, limita o casal a outras despesas, como viajar, conforto e até mesmo arruinar suas economias. Sem mencionar os custos com a manutenção de uma casa grande. Mas agora os casais milenares estão ficando mais inteligentes comprando casas em container, que são bem mais acessíveis. Com uma casa pequena e um estilo de vida minimalista, você pode economizar mais dinheiro, viajar mais e investir em seus negócios e crianças.

Casas contêineres com econtainersmod.com

Pequenas casas acessíveis são decisões financeiras inteligentes. Elas são baratas, confiáveis, exigem menos manutenção e têm mais liquidez. Com todo o dinheiro extra, a geração do milênio pode economizar o suficiente para postar aquela selfie legal do Instagram de um país no exterior.

Gostou, Compartilhe!
Show Buttons
Hide Buttons