Capital paulista sedia simpósio internacional sobre Indústria 4.0

Na última sexta-feira (13), a Universidade Estadual Paulista (Unesp) realizou um simpósio internacional com pesquisadores das nações integrantes do BRICS (grupo de países de economias emergentes formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) para debater a “Indústria 4.0”, conhecida como quarta revolução industrial.

O evento sobre o processo de transformação digital na indústria baseado no uso de novas tecnologias foi promovido em parceria com o CCBTC (China Council for BRICS Think Tank Cooperation) e com o Center for BRICS Studies, da Fudan University, da China.

Vale destacar que o encontro ocorreu no auditório do Conselho Universitário da Unesp, na região central de São Paulo. A íntegra do simpósio pode ser vista no canal da universidade no YouTube.

Indústria 4.0

“A China tem uma estratégia clara na direção da Indústria 4.0 e da transformação digital em sua sociedade. Provavelmente, eles enxergam os demais BRICS como potenciais usuários dessas tecnologias, além da complementaridade das economias”, salienta o professor José Alcides Gobbo Júnior, assessor da Pró-Reitoria de Pós-Graduação da Unesp e um dos palestrantes convidados para o simpósio.

“O simpósio serve como um fórum de discussão das barreiras e dos desafios comuns a esses países e também como uma amostra da capacidade de contribuição de cada um”, completa o docente.

Parceria

A realização do encontro foi uma parceria com a Fudan University, uma das principais universidades chinesas, e faz parte da estratégia de internacionalização da Unesp. O evento resultou de uma visita realizada pela Unesp à Fudan University no primeiro semestre.

“A Fudan está entre as cinco melhores universidades da China e estarmos juntos nesta iniciativa mostra que agora eles passaram a enxergar a Unesp como parceira, inclusive para ações futuras”, explica o professor José Celso Freire Júnior, assessor-chefe da Assessoria de Relações Externas da Unesp. “A China é um ator importante na discussão da Indústria 4.0”, acrescenta.

O simpósio internacional contou com a participação de Chen Peijie, cônsul-geral da China em São Paulo, e de Malose William Mogale, cônsul-geral da África do Sul em São Paulo.

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay