Amazônia, nossa casa, está pegando fogo

Os dirigentes e parlamentares do Partido Verde dos estados da Amazônia Legal protestam contra a inviabilização do Fundo Amazônia, com a suspensão do repasse dos recursos por parte dos doadores. 

Não aceitam as mudanças na governança do Fundo. E reconhecem que esse instrumento financeiro tem prestado relevantes serviços à preservação dos recursos naturais da floresta, apoiando iniciativas de sustentabilidade de empresas, de governos e das comunidades tradicionais. 

As políticas públicas de preservação e de prevenção aos desmatamentos e às queimadas – que são recebidas com louvor pelos países com os quais o Brasil comercializa seus produtos – têm a confiança do mercado, o que resulta na geração de emprego e de renda e em saldo na balança comercial. 

Ao mesmo tempo, os dirigentes e parlamentares do PV dos estados da Amazônia Legal apelam pela manutenção dos repasses dos recursos e requerem que sejam feitos diretamente aos governos dos nove estados que compõem essa importante região brasileira. Esses governos têm o compromisso de manter o mesmo modelo de governança adotado e validado pelos doadores internacionais e pelos órgãos de controle do nosso país. 

Partido Verde

Rudson Leite – PV Roraima Shiley Torres – PV Acre Pedro Longo – PV Acre Cláudia Lélis – PV Tocantins Gustavo Gama – PV Tocantins Marcelo Lélis – PV Tocantins Aluizio Leite – PV Mato Grosso José Roberto Stopa – PV Mato Grosso Eliane Ferreira da Silva – PV Amazonas Antonio José Nunes – PV Amapá Aires Mota de Almeida – PV Rondonia Adriano Sarney – PV Maranhão Cristina Vasconcelos – PV Pará José Carlos Lima – PV Pará 

Para ler a nota na íntegra acesse: https://pv.org.br/wp-content/uploads/2019/08/Amazônia-nossa-casa-está-pegando-fogo.pdf

Foto: Partido Verde