“A Caravana da Paz” chega ao Brasil, primeiro país da América Latina a ingressar no Movimento Internacional pela Paz

21 dias explorando o tema da paz por meio da espiritualidade, diálogo, arte e ação

A Caravana da Paz Brasil, inspirada pela iniciativa europeia CaravanofUnity – Co-creatingEurope, chegou ao país em meio à pandemia da Covid-19, como um convite para a reflexão. O Brasil é o pioneiro na América Latina a organizar a Caravana da Paz. Desde junho, já foram propostas 15 ações, ligadas a temas como saúde mental, ações sociais, meio ambiente, teatro, poesia e música. Além das ações, foi desenvolvido um calendário de atividades on-line que vai até o dia 21 de setembro, em que se comemora a Paz Mundial. É possível conferir a programação completa no sitecaravanadapazbrasil.org.

A intenção do evento é incentivar os participantes a exercitarem seu protagonismo, sejam eles crianças, adolescentes ou adultos. A interação se dá a partir de textos, imagens, vídeos e áudios enviados através do site – assim, novas ações vão surgindo, de acordo com as sugestões de cada participante.

Neste momento extremamente desafiador, iniciativas como esta se tornam oportunidades de transformação, direcionando os olhares para o melhor de cada um que poderá surgir pós-pandemia. O objetivo maior é cocriar uma grande ação coletiva em prol da paz mundial. “Acreditamos que somos seres multidimensionais, com direitos iguais e que por meio do autoconhecimento, podemos desenvolver valores a favor do amor e da vida e agir em prol da paz mundial”, explica Ligia Splendore, coordenadora da Caravana da Paz Brasil.

O movimento propõe dois momentos distintos:

  1. Cocriar ações que gerem oportunidades de exercitar o poder de criar e de se expressar em busca de um mundo melhor.
  2. Jornada virtual de atividades diárias com palestrantes propondo uma troca de experiências entre os participantes.

“O fato das pessoas não saberem como será a vida após a pandemia pode afetar diretamente nossa saúde mental, aumentando os casos de ansiedade, depressão, síndrome de pânico e até suicídio. A Caravana da Paz traz oportunidade para as pessoas voltarem a sonhar, desenvolvendo esperança no futuro apesar de todas as adversidades e possíveis perdas que elas estejam enfrentando com a pandemia”, enfatiza Ligia Splendore.

No total são mais de 200 eventos registrados em 100 locais diferentes, espalhados pelo mundo, oferecendo inúmeras atividades on-line e presenciais. Contando com a participação de pessoas de diferentes países que desejam um mundo melhor e estão utilizando diferentes formas de expressão para abrir espaço para a manifestação de uma consciência planetária mais representativa.

“Programamos para o encerramento desta jornada, uma grande meditação dia 21 de setembro, Dia Mundial da Paz, às 18h. Estaremos todos unidos na mesma intenção – pacificar os conflitos, conquistar a paz no mundo todo. Será um momento muito forte para todos que participaram da Caravana”, comemora Ligia Splendore.

Já nos Estados Unidos, o movimento terá seu grande ápice nos dias 19, 20 e 21 de setembro, em Washington DC. Com transmissão para todo o mundo com os principais momentos da peregrinação, que começou dia 28 de agosto em uma cerimônia na Catedral da Graça em São Francisco, lançando as Caravanas da Unidade pela América, Europa, Brasil e outros países.

Caravana da Paz Brasil

Para conferir a agenda de eventos, na íntegra, acesse www.caravanadapazbrasil.org e participe você também desse movimento.   

Quem somos

O Co-CreatingEurope existe desde 2019 e é composto por mais de 60 ativistas em mudança social com formação em espiritualidade. O movimento foi iniciado nos Estados Unidos, em 2010 por Ben Bowler, fundador da Unity Earth, rede global de organizações e indivíduos unidos pela construção de um futuro melhor para a humanidade e para o planeta. Ben inspirou Anne-MarieVoorhoeve, uma das ativistas do Co-creatingEurope a catalisar a Caravana Europeia.

Este movimento internacional propõe uma série de eventos inovadores que tem como objetivo criar uma consciência mais ampla, focando no potencial dos países europeus de abraçar a unidade na diversidade, tornando-se assim, um centro experimental e um modelo para novas formas transnacionais de sociedade.

Porta voz – Ligia Splendore

Psicóloga, pós-graduada em Psicologia Transpessoal. Coidealizadora do movimento Repensando a Loucura no Brasil que propõe um diálogo entre psiquiatras, psicólogos e “experienciadores” (pessoas que passam por experiências espirituais e/ou anômalas e são diagnosticadas com transtornos mentais). Entre outras iniciativas, o Repensando a Loucura vem organizando, desde 2017, eventos anuais junto ao Instituto de Psiquiatria da USP com o apoio do ProSer – Programa de Saúde Espiritualidade e Religiosidade. O movimento foi inspirado na Campanha Internacional #EmergingProud, lançada pela inglesa Katie Mottram, em 2017. No Brasil, temos incluído alguns outros grupos que estudam o impacto da espiritualidade na saúde mental como oProSer doHCFMUSP e oInterPsi – Instituto de Psicologia da USP.

www.caravanadapazbrasil.org  

www.facebook.com/caravanadapazbrasil

www.instagram.com/caravanadapazbrasil 

A Caravana da Paz traz oportunidade para as pessoas voltarem a sonhar, desenvolvendo esperança no futuro apesar de todas as adversidades e possíveis perdas que elas estejam enfrentando com a pandemia. Foto:Divulgação
Instagram