5 startups que te ajudam a ganhar um dinheiro extra

Diversas startups têm surgido nos últimos anos, muitas delas trazendo soluções práticas e viáveis para conseguir uma renda extra. Algumas delas apareceram diante da falta de oportunidades formais de emprego, mas hoje, funcionam até como meios principais de renda para uma parte da população. Há plataformas para dirigir profissionalmente, vender milhas aéreas, produtos e até hospedar animais e turistas. Veja a seguir dicas de startups e aplicativos que ajudam a ganhar uma grana extra.

 

MaxMilhas

Normalmente, os bancos e as operadoras de cartões de crédito contam com programas de fidelização, que transformam compras em pontos que podem ser convertidos em milhas aéreas, por exemplo. Mas nem sempre todo mundo que acumula milhas pode viajar, e seria uma pena perder todos os pontos acumulados sem uso. Na MaxMilhas, é possível vender milhas e fazer dinheiro. Funciona da seguinte forma: quem tem pontos acumulados em programas, como Azul, Avianca, Gol e Latam, faz um cadastro no site da MaxMilhas, informando o total de milhas que deseja vender e o preço que quer receber por elas. A empresa sugere valores mais competitivos para vender mais fácil. O melhor é que o serviço não possui qualquer complicação: a MaxMilhas realiza toda a operação e transfere o valor para sua conta bancária. A negociação é realizada com total segurança e quem vende as milhas recebe notificações a cada passo da oferta, além de poder alterar o valor das milhas e a disponibilidade das mesmas a qualquer momento. Para cadastrar suas milhas para venda na MaxMilhas clique aqui.

 

Cabify

Com mais de 5 milhões de downloads atualmente, o Cabify é um aplicativo para celular de serviços de transporte para empresas e usuários particulares. Ele funciona em dez países da América Latina – incluindo o Brasil -, além de Espanha e Portugal, e opera com carros de alto padrão. Há duas formas de ganhar dinheiro no Brasil com o Cabify: como motorista ou como investidor. O motorista pode dirigir o próprio carro ou o carro de um investidor, que é aquele que possui o veículo, mas não tem interesse em dirigir.

 

Para participar do Cabify, o motorista deve ter carteira de habilitação com a observação “exerce atividade remunerada”, fornecer atestado de antecedentes criminais, certificado de registro e licenciamento do veículo, e apólice de seguro de acidentes pessoais a passageiros com cobertura mínima de R$ 50 mil. Após um cadastro inicial no próprio aplicativo, o motorista ou investidor deve participar de uma apresentação sobre o modelo de negócios da empresa, quando seu cadastro será ativado no sistema.

 

No Brasil, o Cabify está operando nas cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Rio de Janeiro, Brasília, São Paulo, Santos e Campinas.

 

DogHero

Para quem ama animais, este é um negócio dos sonhos. Na DogHero, qualquer pessoa pode ser um anfitrião de cães, recebendo dinheiro para hospedar o animalzinho. Funciona da seguinte forma: você se cadastra como anfitrião no aplicativo, define o valor da hospedagem e, conforme vão surgindo os clientes, você decide quais cães quer hospedar e quando. A DogHero repassa 75% do valor ao “herói”, ficando com 25% para manter o funcionamento do aplicativo. Entre as vantagens, está atendimento 24 horas por dia, no caso de dúvidas ou imprevistos, e reembolso da despesa com veterinário, caso o bichinho passe mal ou se machuque.

 

Airbnb

Pelo Airbnb, você ganha dinheiro alugando apartamentos, casas, quartos privados e até casas na árvore para hóspedes de maneira fácil e segura. Basta criar um anúncio no site ou no aplicativo, descrever o espaço que tem disponível, quantos hóspedes pode acomodar, adicionar fotos e informações gerais. O próprio aplicativo recomenda tarifas mais competitivas, mas é você quem decide quanto quer cobrar. Se algum hóspede se interessar pelo seu espaço, você pode trocar mensagens com ele para conhecê-lo melhor e tem até a chance de recebê-lo pessoalmente para entregar as chaves. Como o Airbnb faz toda a intermediação, o site fica com 3% da taxa de serviço, enquanto o anfitrião recebe todo o restante, automaticamente, após o check-in do hóspede.

 

Elo7

 

Funcionando como uma espécie de Mercado Livre do artesanato, a Elo7 reúne artesãos de todo o país. A promessa é um ambiente humanizado de compra e venda não só de produtos, mas de peças únicas e autorais que inspiram outras pessoas. Autointitulando-se uma comunidade de empreendedores criativos, a Elo7 conta, hoje, com mais de 80 mil vendedores em 3.700 cidades. O site não cobra custo fixo e oferece desconto para envio de mercadorias pelos Correios.

 

Antes de escolher por algum desses serviços, faça uma pesquisa para conhecer um pouco mais de cada uma das empresas, suas condições de participação e a avaliação dos usuários em cada uma delas, para evitar qualquer desentendimento.